Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Terça-feira, 25 de Março de 2008 - Nº 1938 Edições Anteriores

Maré Legal Terra Caiçara

Região
Servidores estaduais podem ter garantido cesta-remédio gratuitamente
O velho dilema de crescer sem destruir o meio ambiente
Feriado da Semana Santa teve preços mais baixos em locações


Caraguatatuba
Conselho Tutelar alerta sobre venda de bebidas alcoólicas para menores
Caraguatatuba receberá etapa do Paulista de Karatê
Projetos da Lei de Uso do Solo retornam à pauta da Câmara

Ilhabela
Vereador pretende revogar Lei que limita veículos em Ilhabela
Secretário Atleta vence o 34º Campeonato Sul Brasileiro de Hobie Cat 14 e 16
E.E. Ana Leite Julião Torres" de casa nova

São Sebastião
Reserva Indígena Rio Silveiras grava CD inédito com músicas sagradas
Abelhas assustam moradores da Vila Amélia
Exposição de orquídeas no final de semana traz plantas com aromas de chocolate

Ubatuba
Cachorrinha adotada em Ubatuba será treinada para atuar em hospitais
Prefeitura ouve população e faz novas alterações no trânsito da região central
Confirmado: Prefeitura pagou passeio de ônibus para passageiros do Island Escape
Agenda Espaço Baguá
Congresso Técnico define primeiros adversários de Ubatuba
Ação contra a dengue nas entradas de Ubatuba atinge 3.500 veículos
Paixão de Cristo atrai 15 mil pessoas em Ubatuba

Seções
Poesia
Carta do Leitor
Foto do Dia




Notícias da Região Topo

Servidores estaduais podem ter garantido cesta-remédio gratuitamente
Funcionários públicos do estado de São Paulo poderão ter garantido o acesso à cesta-remédio gratuitamente.

Litoral Norte - Essa é a solicitação do deputado Antonio Carlos (PSDB), apresentada a seus pares na Assembléia na última semana. O parlamentar solicita que seja assegurado a todos os servidores da Administração pública estadual, direta e indireta, que passaram à inatividade por problemas de saúde, o fornecimento garantido de cesta de medicamentos para a manutenção do tratamento médico.
No Projeto de Lei, o deputado explica que o fornecimento da cesta de medicamentos deverá ficar a cargo do Programa de Assistência Farmacêutica, implantado pela secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Para conseguir a cesta, o servidor deverá apresentar receita médica prescrita por profissional da área da saúde credenciado da rede pública de saúde do Estado.
De acordo com o deputado, a proposta é motivada pelo dever do legislador de aperfeiçoar os programas implantados pela Administração do Estado. "Hoje o servidor público estadual afastado do desempenho de suas funções por razões de doença permanece sem assistência", escreveu AC em seu projeto de Lei.
"Não bastasse a dor da inatividade, ele se vê constrangido de, pelo menos, desfrutar de um tratamento de saúde que venha amenizar adequadamente a perda da qualidade de vida por absoluta falta de condições na obtenção dos medicamentos necessários".
O deputado explica ainda que não se trata de privilegiar categorias ou classes profissionais, mas apenas conectar-se com um dos principais postulados que norteiam a ação do Estado, cuja essência concede um tratamento desigual aos desiguais.

O velho dilema de crescer sem destruir o meio ambiente

Litoral Norte - O Litoral Norte de São Paulo está diante de um novo velho impasse: como conciliar grandes obras de infra-estrutura, a injeção maciça de investimentos e, ao mesmo tempo, impedir os fluxos migratórios que engrossaram as favelas nos morros da serra do Mar nos anos 70.
Foi da rodovia Rio-Santos, que surgiu o primeiro processo de favelização na costa sul do município.
Barra do Say, Juquey e Maresias, onde a maioria das casas irregulares está longe da orla, concentra-se o maior número de pessoas em áreas invadidas. Em Maresias, o último dado do IBGE, no ano de 2000, apontava 4 mil moradores nessa situação. Depois vieram Boiçucanga, Cambury, Barra do Una e atingiu também a costa norte do município, na maioria dos bairros.
Vislumbrar o dilema surgido: produzir sem danificar o meio-ambiente e residir sem destruir começou há 25 anos, quando a vontade de conservação dos recursos naturais estava apenas no imaginário. Naquela época, falar em atitude sustentável soava muito estranho.
Porém, atualmente, a palavra ganha seu sentido literal e conciliar crescimento sem degradar se torna uma tarefa cada vez mais distante.
São Sebastião, assim como Caraguatatuba, estão em fase nova com os investimentos da Petrobras.
A ampliação da rodovia dos Tamoios, a criação do corredor de exportação, a base de gás e o plano de desenvolvimento do Porto de São Sebastião com seus impactos ambientais e estruturais, podem atrair o marketing de trabalho fácil ou apenas denegrir, no aspecto ambiental, o trecho do litoral paulista ocupado por cerca de 85% de mata atlântica.
Em 2001, pelo menos 135 mil metros de mata atlântica eram destruídas, por ano, em São Sebastião. Dados da prefeitura confirmam que, em 2005, as invasões atingiam 7,5% e, em 2006, o ritmo teria desacelerado para 3,3%.
Mais de 10 mil construções irregulares tomavam conta da cidade há seis anos e esse número teria aumentado pelo menos para mais de 15 mil, desde o início do trabalho de congelamento de algumas dessas áreas, em 2005.
“Estamos somente com medidas remediadoras quanto aos problemas ambientais e, principalmente, quanto a questão das ocupações irregulares e nenhuma medida em todo o litoral, que seja preventiva, dentro de um processo de planejamento adequado”, disse o diretor da Ong Onda Verde, de Caraguatatuba, Paulo André.
“Os municípios como Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba, sequer conseguiram ainda aprovar seus planos diretores e suas leis de usos e ocupação do solo, que venham dar as diretrizes de desenvolvimento e ordenamento urbano para os próximos anos”, complementa André.
“Como fiscalizar o que se quer está planejado e ordenado?”, ele pergunta. Segundo ele, uma pesquisa feita sobre as obras irregulares nos municípios detectou que entre 60% a 70% das construções são executadas sem qualquer aprovação ou acompanhamento técnico. Esses dados foram colhidos das empresas que fornecem laje para as obras comparando com as metragem quadradas de projetos aprovados por prefeituras.
Outro problema é a falta de saneamento básico que, em vários bairros, polui os rios, contamina o lençol freático e atinge as praias – principal atrativo desse trecho do litoral. Pelo menos 22 praias entre Boracéia e Barequeçaba, são as mais atingidas, tendo sido alvo de polêmica o ano passado com o resultado de uma pesquisa da Cetesb, que teria provado melhores resultados do que os realmente detectados. Ambientalistas se mobilizaram para o “acerto” dos índices.
Nos últimos dez anos, as favelas foram surgindo na costa sul e muitos moradores ainda vivem em área de risco. Na maioria, migrantes atraídos por empregos na construção civil, num primeiro momento, que compraram terrenos vendidos ilegalmente por grileiros. “Falta um programa de monitoramento do entorno do Parque Estadual, porque as áreas invadidas são no entorno. Se existisse essa fiscalização, com certeza, minimizaria os impactos dessas invasões”, disse o ambientalista, Roberto Bleier. “Portanto, todo esforço que se faz para evitar as invasões acabam sendo ineficientes. Entre Boracéia e Juquehy, vejo, diariamente, barracos sendo construídos. É também uma questão de política pública”, finaliza Bleier.
A lei é clara, o artigo 10 da lei 6938, aponta que qualquer implantação, reforma e ampliação deverá passar pelo órgão licenciador, respeitando as competências hierárquicas.
A legislação municipal também proíbe lotes com menos de 3 000 metros quadrados na base dos morros – o que ocorre, principalmente com casas de alto padrão em áreas irregulares.
Desmatamentos devem ser precedidos de estudo de impacto ambiental exigido, porque a própria constituição diz, que a Mata Atlântica, a Serra do Mar e a Zona Costeira são patrimônio nacional, e “sua utilização far-se-á, na forma da lei, dentro de condições que assegurem a preservação do meio ambiente, inclusive quanto ao uso dos recursos naturais”.
Não é cenário do caos, porque o crescimento é importante para qualquer cidade, mas todos os aspectos devem ser levados em conta.
O tema é muito atual, uma vez que o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Xico Graziano, estabeleceu como prioridade de governo, uma agenda de 21 projetos ambientais estratégicos, que trazem não só o planejamento ambiental, mas a elaboração de cenários ambientais do Estado de São Paulo para 2020, o estudo integrado do Litoral Norte e a co-responsabilização ambiental das prefeituras com o Município Verde - política ambiental compartilhada com o Estado, em que os municípios aderem a um Protocolo Verde e se propõem a executar 10 diretivas relacionadas à coleta e tratamento de esgoto; gestão de resíduos sólidos; recuperação de mata ciliar e proteção das nascentes; programas municipais de economia de água e apoio à cobrança pelo uso da água, entre outras.
Além disso, também prioriza a proteção dos recursos naturais e da biodiversidade. A audaciosa meta também prevê extinguir o desmatamento no território paulista, já que quer alcançar o “desmatamento zero”, que impede qualquer órgão de aprovar a retirada de vegetação em estágio médio de regeneração, quando não é mais pioneira - aquela que ocupa a área no início da recuperação. Dentro da agenda da secretaria, a recuperação da mata ciliar, a elaboração de políticas e, consequentemente, uma legislação de proteção da fauna silvestre, também estão previstas, conforme informações da pasta. (Fonte: Imprensa Livre)

Feriado da Semana Santa teve preços mais baixos em locações

Litoral Norte - A informação é do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CRECI-SP) . Com o tempo ainda quente e valores de locação de imóveis mais baixos, a Páscoa reuniu os ingredientes certos para ser um feriado bom.
De acordo com a pesquisa CRECI-SP com 58 imobiliárias de 12 cidades do Litoral paulista, nesta Semana Santa, o aluguel de temporada apresentou uma redução que atingiu até 24,31% comparado às diárias do levantamento realizado no Carnaval.
No Litoral Norte, em cidades como Ubatuba e Caraguatatuba, famílias ou grupos maiores encontraram apartamentos com 3 dormitórios por R$ 216,67/dia - mesmos imóveis que anteriormente tinham a locação diária a R$ 286,25. E esta não é a única opção mais em conta nesta região. Apartamentos com 2 dormitórios apresentaram uma redução de 17,68% no valor do aluguel/dia em relação ao que foi pedido no Carnaval - caindo de R$ 227,78 para R$ 187,50. E os do tipo quitinete, cotados anteriormente a R$ 94,00/dia, saem por R$ 83,33 nesta Semana Santa - 11,35% mais baratos.
Casas com 3 dormitórios também tiveram o valor da locação diária reduzido no Litoral Norte. A queda foi de 3,36%, fazendo o aluguel baixar de R$ 285,71 para R$ 276,11. Em contrapartida, as com 4, 2 ou 1 dormitórios sofreram reajuste no custo/dia de 0,20%, 0,98% e 13,04%, respectivamente.
No Litoral Sul, que inclui cidades como Peruíbe, Itanhaém e Praia Grande, a pesquisa CRECI-SP também constatou uma redução geral nos valores das diárias de locação dos imóveis.
Nas casas, os percentuais de queda variaram de 2,07% (para as com 2 dormitórios) a 16,92% (com 1 dormitório). A única exceção ficou para as com 3 dormitórios, cujo aluguel/dia custava R$ 239,44 no Carnaval e agora está 1,63% mais caro, passando a R$ 243,33.
Já os apartamentos de todos os portes apresentaram diárias de locação inferiores às praticadas em fevereiro. A pesquisa CRECI-SP apurou também, que as diárias dos imóveis modelo quitinete baixaram 4,76% (de R$ 82,50 para R$ 78,57); e as de 1 dormitório, 3,03% (de R$ 110,00 para R$ 106,67).
No caso dos apartamentos com 2, 3 ou 4 dormitórios, o aluguel sofreu queda de 3,71%, 2,36% e 7,22%, respectivamente, com valores diários que variam de R$ 161,76 a R$ 300,00.
Mais caro - Cidades como Santos, Guarujá e São Vicente, no Litoral Central, foram as que apresentaram as maiores ocorrências de aumento nos aluguéis/dia e as menores reduções na comparação do Carnaval com a Semana Santa. Assim, quem deseja alugar um apartamento do tipo quitinete nesta região, por exemplo, vai pagar 35,71% a mais do que o valor pedido anteriormente. A diária destes imóveis subiu de R$ 70,00 em fevereiro para R$ 95,00 agora em abril.
Casas com 2 dormitórios também estão mais caras. Com um reajuste de 11,11%, evoluíram de R$ 180,00 para R$ 200,00 no período. E a locação das com 3 dormitórios aumentou 6,52%, passando de R$ 266,00 para R$ 283,33.
Nesta região, apenas para os apartamentos com 3 e 1 dormitórios foi constatada queda no valor das diárias - de 8,70% e 3,77%, respectivamente.
De acordo com o presidente do CRECI-SP, José Augusto Viana Neto, este feriado prolongado é uma ótima oportunidade para se livrar do estresse diário a um custo bastante acessível. “Através das nossas pesquisas, consumidores e corretores têm um panorama do mercado e podem, com isso, efetivamente fechar bons negócios.”
O fim de semana prolongado no feriado da Semana Santa, de 21 a 23 de março, também pode ter sido a última chance para aproveitar os dias mais quentes a beira do mar. No último dia 20, começou o outono e as temperaturas devem ficar mais amenas, porém, no aspecto imobiliário e de hospedagens, sobram mais opções de oferta de imóveis e hospedagens no litoral paulista. (Fonte: Imprensa Livre)


Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Caraguatatuba

Conselho Tutelar de Caraguatatuba alerta sobre venda de bebidas alcoólicas para menores

Caraguatatuba - O Conselho Tutelar de Caraguatatuba alerta os comerciantes quanto à venda de bebidas alcoólicas e outras substâncias impróprias para crianças e adolescentes.
A atividade é considerada ilegal e obedece a lei 8.069 de 13 de julho de 1990 sob os artigos 81, 242 e 243.
Segundo a conselheira, Lucelena Sant’Ana, a partir de denúncias, o conselho visita o estabelecimento comercial informa e orienta o proprietário e ele assina um termo de orientação.
Em caso de repetência do crime, num mesmo estabelecimento, é acionada a Fiscalização do Comércio da Prefeitura para que seja verificado o alvará de funcionamento. Caso o problema persista, a polícia é acionada.
De acordo com o órgão, o artigo 81 da lei citada, diz que é expressamente proibida a venda à crianças ou ao adolescente de armas, munições e explosivos; bebidas alcoólicas; produtos cujos componentes possam causar dependência física ou química.
Outra proibição que está no artigo é a venda para menores de fogos de estampido e de artifício; exceção apenas daqueles que, pelo seu reduzido potencial, sejam incapazes de provocar qualquer dano físico em caso de utilização indevida; revistas e publicação que incentive tais atos com publicações contendo material impróprio ou inadequado à crianças e adolescentes deverão ser comercializadas em embalagem lacrada, com a advertência de seu conteúdo.
O artigo 242 diz que vender, fornecer, ainda que gratuitamente, ou entregar de qualquer forma a crianças ou adolescente arma munição e explosivo poderá pegar uma pena que varia entre 3 e 6 anos de reclusão.
Já o artigo 243 diz que vender, fornecer, ainda que gratuitamente, ministrar ou entregar de qualquer forma, a crianças ou adolescente, sem justa causa, produtos cujos componentes possam causar dependência física ou química, ainda que por utilização indevida a pena é de 2 a 4 anos de reclusão e multa se o fato não constitui crime mais grave.
A pessoa pode fazer denúncias ao Conselho Tutelar ou até mesmo à Polícia caso presencie alguma infração com venda de mercadorias impróprias para crianças ou adolescentes.
O Conselho Tutelar de Caraguatatuba fica na rua Olímpio José de Oliveira, 79, Jardim Jaqueira (próximo a Rodoviária) e atende de segunda a sexta-feira nos telefones 3882-1690/3883-8895/3882-2573. No período noturno, finais de semana e feriados as denúncias podem ser feitas pelo celular 9744-7353. Não é necessário a identificação do denunciante. Já a polícia pode ser acionada no 190. (Fonte: Imprensa Livre)

Caraguatatuba receberá etapa do Paulista de Karatê

Caraguatatuba - A cidade de Caraguatatuba será sede da 2ª etapa do Campeonato Paulista de Karatê, marcado para o dia 12 de abril. O evento fará parte das festividades do aniversário de Caraguatatuba e espera receber mais de 500 atletas nesta que é a maior competição estadual.
Segundo Edinho, professor, técnico e atleta da equipe da SECER – Secretaria de Esportes e Recreação, o município contará com 35 lutadores, que competirão nas modalidades Kata e Shiai individual, nas categorias pré-mirim, mirim, infantil, juvenil, júnior, adulto e veterano.
Na última semana, Edinho participou de um curso técnico e ouviu muitos elogios sobre a estrutura de Caraguatatuba.
“Virá muita gente para a etapa em Caraguatatuba. Muitos treinadores comentaram que viriam devido a nossa instalação, que é muito elogiada”, falou o responsável pela equipe de Karatê da SECER, que estima mais de 500 atletas na cidade, durante o fim de semana da competição.
De acordo com Edinho, os maiores rivais da equipe no Paulista serão as cidades de Santos, Americana, São Paulo e Guarulhos. O técnico está confiante em conquistar um bom resultado. “Acredito que a nossa equipe tem tudo para ficar entre os três melhores”, opinou Edinho contará com o potencial de Beatriz D´Avila Malta, campeã de Kata e vice no Shiai, da competição em 2007.
A grande expectativa por parte da cidade ficará em torno de Ângelo Augusto Santos Oliveira, campeão regional em 2005 e que vive um bom momento na modalidade. “Esse atleta tem tudo para conquistar títulos neste ano. Está em boa forma”, finalizou Edinho. (Fonte: Imprensa Livre)

Projetos da Lei de Uso do Solo retornam à pauta da Câmara
Os projetos têm autoria dos Vereadores e constavam na pauta da sessão anterior

Caraguatatuba - A Câmara Municipal de Caraguatatuba reúne-se nesta terça-feira - 25 de março, para a sua tradicional Sessão Ordinária semanal - a 8ª do ano - a partir das 19h30, com transmissão pela rádio local. Na pauta projetos de autoria dos Vereadores que alteram a Lei de Uso do Solo - Lei 200/92. Os projetos constavam na pauta da semana anterior e não foram votados devido as proposituras apresentadas em Regime de Urgência.
A Ordem do Dia abre com proposta do Vereador Francisco Carlos Marcelino - Carlinhos da Farmácia (PDT), que permite Categoria de Uso C3.1 - Comércio de Material de Construção no Jardim Britânia, na zona sul da cidade.
Outro projeto tem a autoria do Vereador Cristian Alves de Godoi - Baduca Filho (PDT) e permite o desdobro de lotes no Jardim Francis, nos arredores do centro da cidade. Esta comunidade é extremamente carente e devido a isso, o preço dos lotes bem como seu tamanho inviabilizam a construção de moradias no local, incentivando a irregularidade.
A terceira propositura tem a autoria do Vereador Germino de Souza (PPS) e permite Categoria de Uso S3.1 - Serviços Especiais na Z2 (Zona 2), especificamente no bairro do Porto Novo, na região sul do município.
O quarto e último projeto têm a autoria do Vereador Wilson Agnaldo Gobetti (PDT), atual Presidente do Legislativo local, que permite Categoria de Uso C5 - Produtos Perigosos (botijão de gás), no bairro do Olaria, zona norte da cidade, mais especificamente.
Todos estes projetos passaram por suas respectivas Audiências Públicas, com reza a Lei Orgânica Municipal e o Regimento Interno da Câmara de Caraguatatuba em datas que tem início em outubro de 2005, passando por março de 2006 e terminando em setembro de 2007, respectivamente.
As Sessões Ordinárias semanais da Câmara Municipal de Caraguatatuba estão sendo transmitidas gratuitamente pela rádio Oceânica - 670 Khz e pelo Site da emissora na Internet, bastando clicar em www.radiooceanica.com.br e acessando a janela "Rádio On Line". (Fonte: Câmara Municipal de Caraguatatuba)

Notícias de Ilhabela Topo

Vulcano Portal da Palmeira

Vereador pretende revogar Lei que limita veículos em Ilhabela

Ilhabela - O Vereador Beto Campos (PV) pretende apresentar um Projeto de Lei que revogará a Lei nº 532/2007 que dispõe sobre ingresso e circulação de veículos no município. Aprovada no fim do ano passado, a Lei visa melhorar o fluxo do trânsito em períodos específicos.
Na opinião do Vereador Beto, a Lei 532 está cada vez mais impraticável além de ter causado um efeito psicológico negativo aos visitantes em potencial da Ilha prejudicando o turismo como um todo. “Não há estudos técnicos específicos sobre o assunto e a Taxa de Preservação Ambiental (TPA) recentemente aprovada deve ser um instrumento mais eficaz para restringir o ingresso de veículos na cidade”, explica. Ele ainda acrescenta que a Taxa pode ter seu valor ampliado em períodos como Ano Novo e Carnaval.
O Vereador diz que a TPA já é um fator de seleção de turistas e deve permanecer. A proposta é que a Câmara reflita e reavalie a Lei 532/2007, no sentido de revogá-la, e que discuta o assunto por meio de uma audiência pública com a presença de representantes de todos os setores da sociedade. CMI

Secretário Atleta vence o 34º Campeonato Sul Brasileiro de Hobie Cat 14 e 16
Beto de Mazinho e o sobrinho Nicolas vencem com uma regata de antecedência

Ilhabela - A Prefeitura de Ilhabela, através da Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer; Escola de Vela BL 3 e da Associação Paulista da classe Hobie Cat e com o apoio da Caipirinha One e a Confecção Leal, realizou neste feriado de Páscoa, o 34o. Campeonato Sul Brasileiro da Classe de Hobie Cat 14 e 16.
O Campeonato teve início na manhã de quinta-feira, 20 logo após a abertura oficial que contou com as presenças: do secretário municipal de Esportes, José Roberto de Jesus; dos vereadores Joadir Capuccho, presidente da Câmara e José Jorge Pereira, além dos competidores e familiares.
O evento registrou a vitória, da dupla Beto de Mazinho (secretário José Roberto) e seu sobrinho Nicolas, garantida com uma regata de antecedência. Após um início difícil em que a dupla perdeu 4 das 3 regatas disputadas no primeiro dia, onde venceu a dupla Marcos Ferrari e Leandro, a dupla campeã não se abateu e deu a volta por cima vencendo todas as outras 5 das 6 regatas disputadas, com vento variando de 15 nós no primeiro dia para 10 nós nos 2o. e 3o. dias de competição.
Segundo o secretário campeão, José Roberto, o campeonato foi regado com muita disputa na água e muita festa na terra, onde a cerimônia de encerramento, que aconteceu sábado (22) à noite, contou com a entrega de prêmios, a famosa canoa de cerveja, distribuição gratuita da Caipirinha One e muita música. (Fonte: Prefeitura Municipal de Ilhabela)

E.E. Ana Leite Julião Torres" de casa nova

Ilhabela - A Escola Estadual Ana Leite de Ilhabela, está funcionando em novo e moderníssimo prédio, cuja solenidade de inauguração realizou-se no último dia 20/03/2008.
Presentes autoridades do município: Prefeito, Presidente da Câmara, o Secretário da Educação de Ilhabela, Prof. Antonio Cornélio de Morais Filho, sua esposa Dirigente Regional de Ensino - Caraguatatuba, Profª. Edina Paula Roma Teixeira e a Coordenadora de Ensino do Interior, Profª. Aparecida Edna de Matos, representando a Secretaria Estadual de Educação.
Com várias amplas salas, um laboratório de informática de primeiro mundo, salão de eventos, refeitório, cozinha ampla e funcional, contando ainda com mobiliário totalmente novo e moderno, persianas em todas as janelas além de uma decoração de muito bom gosto.
Tudo isso graças às parcerias do Estado e Município, que juntos estão proporcionando às crianças e à comunidade de Ilhabela a oportunidade de poder usufruir o que há de melhor em prédio escolar e mobiliário condizente.
Foram gastos mais de 2 milhões de reais, e segundo o prefeito mais de 1,5milhões coube ao Município.
Para o Secretário da Educação de Ilhabela, não foi fácil construir um prédio de tal envergadura, porém a EE. Ana Leite Julião Torres é uma escola com tradição, mas antiga, e já não comportava mais o número de alunos sempre crescente a cada ano, assim havia necessidade de um outro prédio. A prefeitura municipal tomou a frente nesta empreitada por pensar no aluno, na criança de Ilhabela que merece
sempre o melhor.
As escolas municipais (quase todas) já funcionam em prédios próprios, acolhedores, com excelentes mobiliários, disse o Senhor Secretário, " e queremos que após a 4ª série elas possam continuar tendo este privilégio para completar o Ensino Fundamental (Ciclo II) com tranqüilidade e conforto que merecem." (Fonte: DRE-Caraguatatuba)

Notícias de São Sebastião Topo

São Sebastião Basfibra

Reserva Indígena Rio Silveiras grava CD inédito com músicas sagradas

São Sebastião - A aldeia Guarani, localizada no bairro de Boracéia, no município de São Sebastião, vai gravar no próximo dia 25 de março, material para editar o CD “Mensageiros Guarani”. O CD vai conter além das músicas tradicionais os cantos sagrados. Um mini-estúdio será montado e instalado na Casa de Reza da Aldeia para a realização das gravações, que ocorrerão à tarde e à noite.
A edição e masterização do CD serão executadas posteriormente em estúdios especializados em São Paulo.
No dia da gravação a comunidade será reunida com um almoço coletivo e será servido uma comida tradicional Guarani.
O pajé Jejokó garante que vai colaborar na gravação, mas avisa que uma tentativa anterior em gravar os Cantos Sagrados, por uma equipe alemã que permaneceu na aldeia por mais de 15 dias, não resultou em sucesso porque quem manda na gravação é Nhanderú, o Deus para quem se canta.
O projeto do CD Mensageiros Guarani conta principalmente com o auxílio da Secretaria de Estado da Cultura através do Programa de Ação Cultural selecionado por edital público. (PAC nº 06/2007 “Promoção da Continuidade das Culturas Tradicionais”).
Outras empresas estão se associando ao projeto, incluindo um hotel de Boracéia, para que o CD alcance os padrões de qualidade exigidos pelo mercado globalizado.
O CD Mensageiros Guarani, quando finalizado, vai conter um farto material iconográfico e informativo dos habitantes da Reserva de Rio Silveiras.
Este CD faz parte de uma campanha de valorização da diversidade cultural brasileira proveniente das matas e florestas. Esta campanha envolve a distribuição e lançamento do CD Mensageiros Guarani e propõe o comércio de Kits Multimídia contendo CD, DVD, livro e brinquedo das diversas etnias que protegem as matas e florestas brasileiras.
Em conformidade com a lei 11.465/08 a história e cultura dos índios serão obrigatórias em todas as escolas. A obrigatoriedade foi publicada em lei sancionada na última terça-feira, dia 11 de março de 2008, pelo presidente.
“A lei sancionada pelo presidente não cria novas disciplinas, por isso a grade curricular não será alterada. O que muda é que haverá uma preocupação maior na formação dos professores para deixá-los melhor preparados para lidar com o assunto em sala de aula. É uma medida saudável e tem como objetivo mudar a abordagem da questão indígena” informa o Secretário de Educação, André Lázaro. (Fonte: Imprensa Livre)

Abelhas assustam moradores da Vila Amélia
Secretário de Segurança Urbana, capitão Mota, fica revoltado com atuação dos bombeiros no caso

São Sebastião - Um enxame de abelhas assustou os moradores da rua Rita Orseli, na Vila Amélia, neste final de semana. As abelhas se concentraram em uma lixeira na calçada em frente à residência de número 85 na tarde da última sexta-feira. Ficaram no local até por volta de meio-dia do último sábado.
Preocupados os moradores buscaram auxílio junto à Defesa Civil do município, mas, o telefone da entidade não atendeu, segundo a moradora Sonia Leriano. O Corpo de Bombeiros foi acionado e isolou a área. Uma outra moradora da rua, por ser alérgica, com receio, saiu de sua residência e foi para a casa de parentes.
Os bombeiros informaram que nada podia fazer no sentido de remover as abelhas do local.
O soldado Leite disse que a corporação não recebeu treinamento específico para atuar nessas circunstâncias e que não poderiam exterminar as abelhas, uma vez que os animais silvestres são protegidos pela Lei Federal 9.605. Indagado sobre o recebimento de roupas especiais para atuação nesse caso, o bombeiro informou que elas serviriam para atuação somente no caso de resgate de uma pessoa que eventualmente estivesse sendo atacada pelos insetos.
Ainda na tarde de sexta-feira, os bombeiros informaram que estavam acionando um apicultor da cidade para resolver o problema.
O profissional, entretanto, não foi localizado e um outro apicultor, residente em Caraguatatuba, estava sendo contactado no dia seguinte.
Ainda assim, os bombeiros tranqüilizaram os moradores informando que as abelhas eram migrantes, provavelmente pararam no local para “descansar” e proteger a “abelha-rainha” e que em pouco tempo os insetos deixariam o local, o que de fato ocorreu no sábado. Os moradores, entretanto, não se sentiram seguros e um deles, inclusive, providenciou uma lata de 20 litros e colocou fogo em alguns objetos para que a fumaça afastasse as abelhas da rua.
Os bombeiros alertaram que isso não deveria ser feito pois os insetos poderiam se sentir ameaçados e atacar. Aconselharam a retirada da fumaça do local, o que foi prontamente atendido pelos moradores.
Preguiçosos
Informado sobre o problema, o secretário municipal de Segurança Urbana, capitão Edwin Mota, ficou revoltado com a ação dos Bombeiros neste caso. “A retirada das abelhas era de competência deles sim. Alegaram essa Lei Federal porque foram preguiçosos e não quiseram trabalhar. Isso é inadmissível. Antes de pensar na proteção das abelhas eles deveriam pensar na segurança do cidadão. Pode escrever isso que eu assino embaixo”, declarou o secretário.
O capitão Mota recordou que em julho do ano passado a Prefeitura entregou ao comando do Corpo de Bombeiros dois conjuntos de roupas especiais exatamente para a captura de insetos agressivos como abelhas, marimbondos e vespas. “Os bombeiros estão sim treinados para atuar em situações como essas e, para isso, receberam a vestimenta adequada por parte da prefeitura”, finalizou o secretário. (Fonte: Imprensa Livre)

Exposição de orquídeas no final de semana da Páscoa traz plantas com aromas de chocolate

São Sebastião - Usadas como cicatrizante, com cheiro de chocolate ao leite, chocolate branco, em uma variedade de espécies, cores e formas, no mundo inteiro já foram catalogadas mais de 5 mil orquídeas e, só no Brasil, existem mais de 8 mil espécies.
Expostas no pátio da Secretaria de Turismo, no centro da cidade, diversas espécies de orquídeas foram trazidas por colecionadores e produtores de Caraguatatuba, São José dos Campos, Pindamonhangaba, Jaquariúna e Itapecerica da Serra.
As flores exibem seu colorido em São Sebastião, depois de 15 anos, após sua última exposição, segundo informações do expositor Arnaldo Martinho, de Itapecerica da Serra.
De acordo com o coordenador do evento, Alex Boihagian, o evento trouxe cerca de 100 orquídeas de várias espécies, que puderam ser adquiridas por preços que variavam de R$ 5,00 a R$ 250,00.
Martinho ressalta que além da beleza natural da planta, orquídeas também podem ser usadas como cicatrizantes, como é o caso da cirtopodium, popularmente conhecida como Sumaré da mata. De acordo com ele, existe em várias partes no Brasil, inclusive no Litoral Norte. “Nos morros da Ilhabela já vi muitas cirtopodiuns em cima de pedras”, lembra o expositor. Ele explica que não há uma época mais propícia para a produção de orquídeas, já que ela é bem cultivada durante todo o ano.
Para o expositor de Jaguariúna, Antônio Cinacchi, o Brasil consegue ter mais de 8 mil espécies da planta pelas vantagens do clima e da variedade de sua formação geográfica com o litoral e o serrado, que proporcionam diferentes tipos de orquídea. “Aqui no nosso país encontramos tanto as epífetas, que vivem nas árvores, quanto as rupícolas, que nascem em pedras e as terrestres”, informa o Cinacchi. Antônio lembra que o que mais chama atenção dos colecionadores são as raridades e que é difícil avaliar qual é a preferida, já que cada colecionador e visitantes têm preferências particulares.
As mulheres, habitualmente, maiores consumidores de flores que os homens, não são maioria entre os colecionadores. A expositora Conceição Queiroz revela, que eles colecionam mais orquídeas do que elas. “As mulheres são mais atraídas pelas formas e cores. O desejo de colecionar maior é no público masculino”, conta Conceição.
Porém, se colecionar não atrai as visitantes, na exposição do final de semana da Páscoa, elas encontraram uma planta irresistível: Sherry Baby. A espécie exala cheiro de chocolate e ainda existe em duas versões: uma com aroma de chocolate ao leite e outra com aroma de chocolate branco. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Restaurante Solar das Águas Cantantes ACIU

Prefeitura ouve população e faz alterações no trânsito da região central

Ubatuba - O sistema ciclo viário, que está sendo implantado no centro da cidade, ainda não conseguiu agradar a maioria dos ubatubenses que utiliza as vias da região.
Após algumas reclamações de munícipes e de moradores do entorno, a coordenadoria de trânsito optou por ouvir a população sobre as primeiras alterações feitas nas ruas do centro e conseqüentemente já realizou algumas mudanças.
O principal foco de insatisfações ficou por conta da Avenida Liberdade, que, com a implantação da ciclo-faixa, deixou de ser mão dupla e tornou-se uma via de sentido único.
No projeto apresentado ao Governo Federal, que disponibilizou recursos para a realização das iniciativas ciclo viárias na cidade, a Avenida Liberdade tinha a previsão de operar, para os automóveis, apenas no sentido centro - bairro. Entretanto, os motoristas que utilizam a via, diariamente, não aprovaram, pelo menos a maioria, a nova função da avenida.
Com o objetivo de evitar transtornos aos cidadãos e buscar uma saída para o fim da polêmica, o coordenador de trânsito da cidade, Marlon Lopes, resolveu acompanhar em loco a questão.
Para auxiliar no trabalho de pesquisa, a coordenadoria de trânsito contou com o apoio da Associação Comercial, que disponibilizou sua assessoria, para visitar o local e abordar a população. Durante uma tarde, foram ouvidas 38 pessoas, sendo que 27 foram contra a mudança e 11 a favor.
O coordenador de trânsito do município, Marlon Lopes, ressalta que um projeto só pode ser considerado bom, quando testado na prática. “O papel aceita tudo, porém, a realidade é diferente. É preciso ressaltar que, todo o sistema de ciclovias no centro da cidade está em fase de implantação, sendo assim, está sujeito a alterações.
Com o dia a dia conseguimos observar que a Avenida Liberdade não é uma via de escoamento (utilizada para sair da região central), mas sim, uma via de acesso, onde a maioria dos motoristas se dirige do bairro e da rodovia, rumo à cidade”, esclarece o coordenador de trânsito Marlon Lopes, lembrando que, após a constatação, a Avenida Liberdade irá operar em mão única no sentido bairro-centro.
A coordenadoria promete ainda, que, até a próxima terça feira, dia 25, toda a mudança de sinalização estará pronta e a Guarda Civil também estará presente na via nos horários de maior movimento, com o objetivo de evitar qualquer confusão por parte dos motoristas. (Fonte: Imprensa Livre)

Cachorrinha adotada em Ubatuba será treinada para atuar em hospitais
O adestrador Sérgio Mendes, que adotou a cachorrinha “Paçoca”, desenvolve um trabalho de Terapia com Auxílio de Cães, levando-os para visitar e interagir com pacientes em hospitais

Ubatuba - Foi por meio de um anúncio de rádio que o economista aposentado e adestrador de cães, Sérgio Mendes, se interessou em conhecer o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da Prefeitura de Ubatuba e, quem sabe, adotar um cãozinho. Ele desenvolve um trabalho de Terapia com Auxílio de Cães (TAC), visitando doentes em hospitais e está escrevendo um livro sobre a relação entre os humanos e os cães. Ao chegar no CCZ, encantou-se com uma cachorrinha vira-lata, com cor de amendoim e pêlos arrepiados.
O mais curioso da história é que os funcionários do CCZ costumam dar nomes provisórios aos animais em adoção. A cachorrinha escolhida por Sérgio chamava-se “Paçoca”, o mesmo nome do personagem canino que narra a história de seu livro. E mais: as ilustrações criadas para compor o livro são bastante parecidas com a cachorrinha que Sérgio nem sonhava conhecer. Agora, a Paçoca está morando em São Paulo, extremamente feliz com o dono que arrumou. Além disso, ela está sendo preparada para atuar no projeto “Amor na Coleira”.
Amor na coleira - O projeto “Amor na Coleira”, criado por Sérgio Mendes, foi inspirado em experiências de outros países, que utilizam animais para beneficiar a saúde de pessoas que estão internadas em hospitais. “A idéia é trazer-lhes um pouco de conforto, diminuindo a solidão e a dor, dando-lhes a oportunidade de interagir e trocar afeto com os cães e os voluntários que atuam no projeto”, diz Sérgio.
No Brasil, o “Amor na Coleira” existe desde 2001 e atua em diversos hospitais, como o Hospital Universitário (HU), Instituto do Coração (Incor) e Instituto de Ortopedia e Traumatologia (IOT) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.
Para desenvolver tal projeto, Sérgio Mendes fez cursos e estágios no Brasil e nos Estados Unidos e estudou profundamente o comportamento dos animais, convivendo inclusive, com lobos, coiotes e raposas no Centro de Treinamento e Pesquisa da North American Wildlife Foudation.
Segundo Sérgio Mendes, os cães são capazes de mudar a rotina dos pacientes, trazendo-lhes alegria e bem-estar. “Cachorro também é remédio para minimizar o desconforto de uma internação, combater a depressão, afastar a ansiedade e trazer serenidade. A visita deles ajuda a aplacar medos, motivar uma conversa mais amena, fazer de tudo pra que o paciente se sinta melhor e mais animado. Com isso, o processo de cura pode ser acelerado.”
O trabalho do CCZ - O sistema de adoção de cães e gatos utilizado pela Prefeitura de Ubatuba tem trazido bons resultados e histórias felizes, como esta. Com o objetivo de diminuir o número de cães e gatos no canil do Centro de Controle de Zoonoses do município, a prefeitura tem investido em diversos modos de oferecer os animais a possíveis donos.
As adoções vêm sendo divulgadas em rádios e jornais, além do sistema de Adoção On Line, que traz a imagem e as características do animal no site da prefeitura, facilitando a escolha. Também tem as feirinhas de adoção, que trazem os filhotes para o centro em dias determinados.
Sérgio conta que já visitou diversos canis, em diferentes cidades do mundo e que o trabalho desenvolvido em Ubatuba é muito bom. “O canil é simples, e dirigido por pessoas competentes. Fiquei impressionado com a organização e a limpeza. O sistema de adoção on line é muito bem feito, com diversas dicas interessantes”, afirmou Sérgio. (Fonte: Prefeitura Municipal de Ubatuba)


Confirmado: Prefeitura pagou passeio de ônibus para passageiros do Island Escape

Ubatuba - A Assessoria de Assuntos Externos da Prefeitura Municipal de Ubatuba confirmou, em ofício (97/2008 - GP - AEG), que o Poder Executivo municipal pagou R$ 7.998,00 (sete mil, novecentos e noventa e oito reais) pelo aluguel dos ônibus que levavam os turistas que desembarcavam do navio Island Escape para passear em Ubatuba.
O ofício, que responde ao Pedido de Informação 06/08 do vereador Edilson Félix - PR, confirma o que já fora veiculado pela imprensa local, quando o Secretário Municipal de Turismo admitira o uso de verba público para pagar uma empresa de ônibus para que realizasse o transporte dos passageiros que desembarcavam do navio para conhecer o centro da cidade e algumas praias do município.
Pagamento para empresas de vans e para profissionais autônomos
Apesar de não responder diretamente a uma das perguntas feitas pelo vereador Edilson Félix, o texto do ofício vai de encontro ao que foi dito pelo Secretário Municipal de Turismo, que afirmara - em matéria jornalística publicada nos blogs "Ubatuba Víbora" e "Ubaweb" - que os motoristas de vans teriam feito um "contrato de risco". Em resposta às perguntas: "Essas vans eram de empresas constituídas? Houve o pagamento de diária a estes motoristas?", a Prefeitura assim se pronuncia: "foram contratados profissionais autônomos e empresas habilitadas".
Sem documentação
Apesar do vereador ter requisitado que as cópias das notas fiscais e dos empenhos dos pagamentos efetuados pela Prefeitura às empresas e aos autônomos acompanhassem a resposta, as mesmas não foram enviadas. No ofício, a Prefeitura se limitou a responder que a documentação estaria à disposição do vereador. (Fonte: AVEF)

Agenda Espaço Baguá

Cursos e Workshops
Reiki I - 27 e 28 de março, com Dwaro. Cura, equilíbrio e harmonização energética através da imposição de mãos.
Dhyan - Meditação e Movimentos Sagrados - Dias 29 e 30 de março,com Dwaro. Trabalho que visa o auto-conhecimento, expansão da consciência, presença e auto-observação usando diversas técnicas de meditação, dança, bioenergética, etc..
Eneagrama - 11, 12 e 13 de abril, com Racily. Descrição e compreensão dos nove tipos humanos. Seus padrões repetitivos de comportamento. Os mecanismos do ego que impedem a manifestação de nossa verdadeira essência.
English workshop - maio 2008, com Rosana Castilho (Nasim) e Jayo. Aprenda inglês em um grupo de auto-conhecimento, praticando yoga, meditação, caminhadas na natureza, curtindo praia, cantando, dançando, assistindo vídeos e lendo textos interessantes.
Aromaterapia - junho 2008, com Marcelo Dhyana
Florais da mata atlântica - 23 e 24 de agosto, com Sandra Epstein.

Sessões
Yoga-massagem ayurvédica (associada à aromaterapia) - toques profundos, manobras de alongamento e trações de articulações; elimina toxinas, promove correções posturais, melhora a circulação, a respiração, relaxa;
Aromaterapia - terapia através dos aromas, utilizando óleos essenciais; a sessão inclui uma sinergia pessoal e massagem;
Reiki - técnica de relaxamento, cura e equilíbrio energético através da imposição de mãos, com Jayo;

Aulas e práticas
Hatha-yoga - 2ªs e 4ªs feiras das 17h às 18h30. Outros horários a confirmar.
Meditação e movimentos sagrados - 3ªs feiras das 19h30 às 21h30.
Espaço Baguá - Rua Caixa D'Água 441, Praia Vermelha do Centro, Ubatuba.
Informações e inscrições - (12) 3835-1275 / 9144-5744, com Jayo - www.ubatubabrazil.com.br


Congresso Técnico define primeiros adversários de Ubatuba

Ubatuba - O Comitê Dirigente dos 12º Jogos Regionais do Idoso (JORI) promoveu na última quarta-feira,19, o Congresso Técnico que definiu os grupos e chaves da competição e o sistema de disputa das modalidades.
A cerimônia contou com a participação de diversas autoridades ligadas ao evento, como a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Ubatuba e presidente do Comitê Organizador do 12º JORI, Denise Cesar; Marilena Camargo, representando o Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social e Cultural do Estado de São Paulo; o chefe do Comitê Dirigente, Paulo Luiz Vantine e Edilvania Mazucanti, representando a Secretaria de Esportes Lazer e Turismo do Estado de São Paulo.
A primeira-dama agradeceu aos municípios que enviarão atletas para a competição. “Ubatuba espera todos de braços abertos. Temos a certeza que será uma edição inesquecível, pois estamos com uma equipe empenhada em oferecer as melhores condições para que todos aproveitem ao máximo o que Ubatuba tem de melhor, como as praias e o passeios, além é claro das ótimas condições para as práticas esportivas”, afirmou Denise.
O secretário de esportes Bittencurt Jr. lembrou que mais uma vez a cidade será beneficiada ao receber um grande evento. “Assim como os Jogos Regionais do ano passado, o JORI movimentará a economia da cidade. Além de tudo teremos a chance de prestigiar um evento onde a Melhor Idade dá um show de vitalidade”, comentou o secretário.
Sorteio das chaves - Após o pronunciamento das autoridades, aconteceu o sorteio das chaves e a definição das primeiras partidas do evento. O vôlei feminino de Ubatuba faz a estréia no dia 27, às 8 horas, enfrentando Itapecerica da Serra, no Ginásio de Esportes Tubão. O masculino joga às 16h30, também no Tubão, contra o vencedor de Itapevi X Cajamar (que se enfrentam às 8h30, no Ginásio da E.E. Idalina Graça).
Ainda no dia 27, equipe ubatubense de Bocha enfrenta Jandira às 9h35, na cancha do Complexo Poliesportivo. Ainda no Complexo, a equipe de Malha enfrenta Ribeirão Pires às 11h.
A equipe de Buraco de Ubatuba, também estréia quinta-feira, jogando conta Santa Isabel, enquanto a dupla do truco joga às 9 horas contra o vencedor da partida Itapevi X Canas.
O dominó de Ubatuba enfrenta Poá às 9h, em partida válida pelo grupo D, também na quinta-feira. As cidades de Canas e Paraibuna são os outros integrantes do grupo.
Bombeiros recomendam cuidados especiais - O Corpo de Bombeiros preparou um esquema especial para garantir a segurança dos atletas que visitarão as praias de Ubatuba. “Montamos uma estrutura para atender aos participantes do JORI na Praia do Perequê-Açu. Escolhemos essa praia por ser de fácil acesso e segura para banhos de mar”, disse o tenente João Benedito de Castro Rapacci, representante do Corpo de Bombeiros na reunião. “Os visitantes devem evitar as praias de tombo e também aquelas em que não há o trabalho dos guarda-vidas”, completou o tenente.
Recepção - As 52 delegações serão recepcionadas na próxima quarta-feira, no Ginásio de Esportes Benedito Pinho Filho (Tubão), a partir das 14h. Na chegada as delegações receberão seus kits, crachás de identificação e material informativo. Uma equipe de guias acompanhará cada delegação até os alojamentos e ficará á disposição para conduzi-las até as praças esportivas, durante sua estada na cidade. (Fonte: Assessoria de Comunicação PMU)

Ação contra a dengue nas entradas de Ubatuba atinge 3.500 veículos
O objetivo foi orientar os turistas, como mais uma forma de evitar que a dengue chegue ao município; Ubatuba não registra nenhum caso desde agosto do ano passado

Ubatuba - A Prefeitura de Ubatuba, por meio da Secretaria de Saúde, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal e Estadual, realizou um trabalho de prevenção nas entradas do município durante o feriado de Semana Santa. A ação atingiu 3.500 veículos, oriundos das mais diversas cidades, que chegaram a Ubatuba pelas três entradas do município. Equipes formadas por agentes de controle de endemias e auxiliares de enfermagem entregaram kits e prestaram esclarecimentos aos visitantes.
Segundo o coordenador de Controle de Endemias, Antenor Benetti, a ação foi bem recebida, tanto pelos turistas quanto pela população. “Nossa intenção é informar e proteger a saúde dos indivíduos, sejam moradores ou visitantes. De um modo geral, as pessoas entenderam a nossa preocupação. Os turistas gostaram de saber que Ubatuba não tem dengue e que a cidade está batalhando para permanecer assim.”
Nenhum caso desde agosto - Apesar de não ter registrado nenhum caso positivo da doença desde agosto de 2007, o trabalho de prevenção deve ser constante, uma vez que a cidade tem características turísticas que facilitam a migração do vírus de outras localidades.
Segundo o secretário de Saúde, Clingel Frota, a preocupação aumenta à medida que outras cidades começam a apresentar casos positivos da doença. “Por isso, estamos dando uma atenção às portas de entrada do nosso município. Não é nossa intenção impedir que as pessoas entrem em nosso município, mas sim, que contribuam para que a dengue não se instale novamente aqui.”
Antenor Benetti, afirma que, além das ações voltadas para os turistas, as atividades de rotina continuam sendo realizadas. “Estamos trabalhando muito para que a população se conscientize e tome as providências necessárias para a prevenção. Os nossos agentes estão atendendo muitas denúncias, o que significa que algumas pessoas já estão um pouco mais conscientes e outras não estão fazendo sua parte.” (Fonte: Prefeitura Municipal de Ubatuba)

Paixão de Cristo atrai 15 mil pessoas em Ubatuba

Ubatuba - A encenação da Paixão de Cristo, tradicional em Ubatuba, atraiu cerca de 15 mil pessoas para a Avenida Iperoig, na última sexta-feira, 21. O evento teve início na Praça de Eventos da Avenida Iperoig, que ficou repleto durante toda a apresentação. A formação de três palcos, com passarelas entre eles, facilitou a visão do público e a movimentação dos personagens.
A Via Crucis se alongou por toda a Avenida Iperoig, até o Morro da Prainha, onde aconteceram as cenas apoteóticas da Crucificação e Ressurreição de Cristo. Todo o trajeto foi acompanhado pela multidão.
A produção é da Cia. do Mar Atividades Artísticas, patrocinada pela Prefeitura Municipal, por meio da Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba (Fundart). Segundo o presidente da Fundart, Pedro Paulo Teixeira, o grupo foi bastante feliz na escolha do local. “A Praça de Eventos é bastante ampla e serviu perfeitamente como uma grande platéia, que abrigou o público confortavelmente. Além disso, os efeitos especiais, a iluminação e o figurino deram um toque especial ao evento.”
Para o prefeito Eduardo Cesar, apoiar o espetáculo significa incentivar a cultura da cidade. Nós fazemos questão de apoiar a Paixão de Cristo, pois sabemos o quanto esta manifestação é importante, tanto para os moradores e turistas.” (Fonte: Prefeitura Municipal de Ubatuba)

Cinema: SEMANA DE 21/03 A 27/01/2008
LANÇAMENTO MUNDIAL!!!!!!!!


"HORTON E O MUNDO DOS QUEM!!"
Desenho!!!Dublado!!!!
Dos mesmos criadores de "ERA DO GÊLO"
Ás 14:40 hs(só na 6ª , sábado e domingo) -
16:20 hs -18:00 hs e 19:50 hs.

"O CAÇADOR DE PIPAS"
Baseado no livro campeão de vendas!!!!!
C/ indicação p/ 2 "GLOBO DE OURO"!!!!
Ás 21:40 hs

cineporto@hotmail.com

Poesia Topo

Dos bichos

é preciso muito sentido
para não ser enganado
pelo bicho urutau
que em um instante é pássaro
noutro é pedaço de pau.

Outros bichos

Saracoteando por aí
de meias vermelhas,
vivem as saracuras
nos brejos e capoeiras.

Pássaros escandalosos
e fofoqueiros
sem tirar nem pôr:
araponga, maritaca
e martim-pescador.

Tio Tonico

Antonio José, meu tio,
está a um passo da salvação,
por muita fé em Deus
e por praticar a lição
do pescador em canoa de traquete
que se lança ao largo de madrugada
com o vento terralão
e retorna à terra
no sopro da viração.

Félix Cabral

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

Lingüiça e "bicicreta"

A Rua Coronel Domiciano se destaca da maioria das ruas do Centro pela sua largura o que lhe confere papel importante na rede viária da cidade no escoamento do tráfego local via rua Liberdade, mas mesmo assim não foi poupada. Tome mão única e ciclofaixa!
Nos... "estudos técnicos com o aval do governo federal...", os experts bem que poderiam ter feito a ciclofaixa na paralela da rua Coronel Domiciano que, por ser rua estreita, causaria um impacto menor.
Parece não estar bem claro quem é quem, pode-se dizer que, ciclofaixa é uma faixa da via de tráfego geralmente no mesmo sentido de direção dos automóveis, tendo na maioria das vezes mão única. A circulação das bicicletas está integrada ao trânsito de veículos, havendo uma faixa ou separador físico.
Ciclovias são segregadas fisicamente do tráfego dos automóveis. Elas são adjacentes às vias de circulação de automóveis ou estão em corredores verdes independentes da malha viária.
Bikeline deve ser coisa pra inglês ver e, falando neles, fevereiro passado na cidade de Morretes, por ocasião do Great Brasil Express, a ministra Suplicy destacou que para incrementar o fluxo internacional o Mtur começa a organizar o Brasil para o turismo de luxo já que este segmento aumentou 10%, movimentando US$ 410 bilhões. As considerações da Secretaria Municipal de Turismo sobre a ciclofaixa da rua Liberdade são forte indício que esta abraçou de corpo e alma o Plano Aquarela do Mtur e, em curto prazo, com toda essa "bicicretarada" estaremos recebendo turistas internacionais da classe A e B.
Ciclofaixa gera uma imagem forte de proteção ao ciclista, cria um fato político, sua implantação tira espaço e isso gera polêmica que faz com que as atenções sejam desviadas de problemas antigos que exigem e aguardam soluções.
É inocente e bobinho fazer comparações com países que usam a bicicleta há séculos ou afirmar que uma equipe de técnicos de trânsito da Alemanha está a caminho para ver e aprender como se faz aqui. Não tão técnicos como os da bikeline, mas técnicos, afirmam que:
1) Cidades de pequeno porte onde o trânsito é tranqüilo é totalmente desnecessário ciclofaixas;
2) 95% dos acidentes com bicicletas acontecem em cruzamentos (Unesco). A forma técnica para diminuir acidentes em cruzamentos é o uso da sinalização horizontal, vertical e semafórica;
3) 50% das mortes se devem a colisões frontais, o índice de colisão por trás é muito pequeno;
4) A bicicleta tem que ser usada como tal e não como um veículo motorizado. A educação do usuário da bicicleta é fundamental na prevenção de acidentes;
5) A sinalização específica para as bicicletas tem que existir;
6) Bicicletários em pontos estratégicos são obrigatórios;
7) O uso de equipamentos de segurança indispensáveis (listados no CNT) e fiscalização são primordiais.
Enquanto as bicicletas andarem impunes na contramão, forem jogadas no passeio público, não se enquadrarem no que está previsto no Código Nacional de Trânsito (CNT), os buracos não forem tapados, a dívida da Comtur não for quitada, as lixeiras não forem colocadas nas ruas, não houver placas indicativas e placas com nomes das ruas, as estações rodoviárias reformadas, a Santa Casa não estiver 100%, o acesso das praias asfaltados, policiamento 24 horas, saneamento básico, blablablá, fica tudo com jeitão de enchimento de lingüiça e, pra deleite dos que gostam:
Lingüiça de peixe:
Ingredientes: 1 1/2 kg de carne de cação; 03 tomates maduros sem pele e semente; 1 xícara de manjericão (folhas grandes de preferência); sal e pimenta do reino a gosto.
Preparo: passar a carne no moedor de carne (furos largos). Coloque em uma tigela junto com o tomate, manjericão, sal e pimenta; misture bem. Provar e fritar um pouquinho. Coloque a massa na tripa (ou embalagem própria comestível) e pronto.

Ezio Pastore Junior
Ubatuba, SP

Tá dominado, tá tudo dominado...

Tá dominado, como diz na letra da música (de mau gosto, assim como a situação) quase todos os meios de comunicação estão sendo pagos por... nós mesmos munícipes contribuintes. O nosso dinheiro de cada dia esta sendo usado de forma desavergonhada para comprar espaços (todos) em jornais, rádios ... para publicar "contos", a custa de nossos impostos altíssimos. Realmente vivemos num mundo de fantasia, onde o superman vive no país das maravilhas e, constantemente, assume os papeis, ora do chapeleiro maluco, ora do pinóquio. Vai mentir lá na ...ponte que caiu! Mas, voltando ao mundo real da monarquia César, onde quem mais comanda é o Bobo da corte, estamos passando pela fábula "A ROUPA NOVA DO REI", que, para quem não conhece, vale a pena pesquisar e conferir. No dito conto, todos concordam com a roupa que somente o rei acredita existir, mas, na realidade, o povo espera que em breve o "príncipe", que nunca passou de um sapo, contador de histórias, volte a coaxar no brejo de onde nunca deveria ter saído e que fica a uns 250 km daqui.

Nélia Santos
Ubatuba, SP

Amostragens Comprometedoras

O relatório dos técnicos do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo - TCESP - especifica que: "Sob o presuposto da amostragem, o exame documental da despesa revelou as seguintes falhas":
Adiantamento n° 289/06. Valor R$ 2.000,00. Responsável XXXX. Gastos com churrascaria localizada no Rio de Janeiro, no dia 19-12-06.
Adiantamento n° 18/06. Valor R$ 5.000,00. Responsável YYYY. Despesas de viagem a Brasília. Não foi justificado o motivo da viagem.
Adiantamento n° 142/06. Valor R$ 2.500,00. Responsável YYYY. Prestação de contas irregular e não demonstrado o atendimento ao interesse público.
Os técnicos entenderam que os três deverão ser devolvidos ao Erário Municipal com as devidas correções.
HOSPEDAGEM EM UBATUBA
"No decorrer do Exercício de 2006, a Municipalidade agraciou determinadas pessoas com o custeio de hospedagem em estabelecimentos na própria cidade de Ubatuba..... as despesas não atendem ao interesse público".
Hotel XXXX R$ 14.180,00. Sem licitação. Gastos para:
Atender autoridades chilenas R$ 3.960,00 Irregular.
Equipe de Som do Carnaval R$ 6.360,00 Irregular.
Manutenção semafórica R$ 380,00 Irregular.
Delegado de Polícia R$ 3.540,00 Irregular.
Desatendendo o interesse público os R$ 14.180,00, corrigidos monetariamente deverão ser devolvidos ao Erário Municipal.
Hotel YYYY R$ 7.251,61.
Representantes do Ministério de Turismo - Irregular.
Bandas participantes do Festival da Paz - Irregular.
Também deverão ser devolvidos ao Erário Municipal com os acréscimos legais.
Hospedagem na Pousada WWWW R$ 4.800,00. FESTIVAL DA PAZ. Não atende o interesse público e deverá ser restituído aos cofres municipais.
Solicitamos a atenção dos leitores para o fato de ter sido feito o levantamento por amostragem. Qual seria o volume de irregularidades feita a pesquisa exaustivamente?.
Em atenção ao respeito às pessoas evolvidas e aos estabelecimentos citados omitimos seus nomes. Estes últimos, certamente, não praticaram irregularidades e prestaram os serviços de boa fé.
As irregularidades foram praticadas pela Administração Municipal e alguns de seus agentes.
Agride a todos os cidadãos, pagadores de impostos e taxas e que sofrem as agruras dos precários serviços municipais, tomar ciência de pagamentos feitos para participantes do "FESTIVAL DA PAZ". Festival já amplamente criticado, à época, por ser de cunho religioso-evangélico e a Prefeitura não poder ter aliança ou dependência com cultos ou igrejas como determinado pelo Artigo 19 da Constituição Federal.
A pergunta que fica entalada: Quem vai devolver esses recursos aos cofres públicos? É esse o "uso do dinheiro público com responsabilidade?"
VIVA UBATUBA. Sem dengue e sem caluniadores.

Corsino Aliste Mezquita
Ubatuba, SP

Assista a TV Litoral Virtual
Clique na tela abaixo para iniciar a transmissão

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo
de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br.  O envio da foto caracteriza autorizada a sua publicação, assumindo o autor total responsabilidade pela publicação da mesma.

Pedra da Freira / Caraguá  © Emilio Campi

Pedra da Freira
© Emilio Campi

Envie sua foto!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor: Emilio Campi

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor