Litoral Virtual últimas notícias do litoral
Sexta-feira, 18 de Julho de 2008 - Nº 2007 Edições Anteriores

Candidato, tenha sua página na internet! Maré Legal

Região
Cesteb fecha cerco a barcos e marinas no Litoral Norte
150 policiais civis da região devem entrar em greve no mês que vem
Região participa de feira internacional de observação de aves
ONGs da região firmam convênio com a Petrobras em prol de um desenvolvimento sustentável
O que pode e o que não pode durante a campanha eleitoral


Caraguatatuba
Notícias dos Jogos Regionais
Sem acordo em audiência, greve dos Correios é mantida
No masculino Tênis de Caraguá vence Aparecida
Projeto Água de beber abre inscrições para o curso "Melhore o seu negócio" II
Eleições 2008: Cidade tem 8 mil novos eleitores

Ilhabela
Final de semana em Ilhabela será marcado pelas regatas de monotipo
Ambulancha está paralisada há cerca de 1 ano; veículo custou R$ 138 mil aos cofres públicos
Polícia Federal ainda não fez a extradição do italiano preso em Ilhabela
Prefeito Manoel Marcos recebe visita do candidato a prefeito de Josenópolis Gumercindo Pestana
Câmara suspende expediente devido à reforma de suas instalações
Marcelo Fragali recebe Título de Cidadão Honorário de Ilhabela
Membros da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes recebem treinamento em Ilhabela

São Sebastião
Defesa Civil captura cobra jararaca no bairro Reserv Du Moulin
Eleições 2008: Oposição tenta impugnar candidatura de Juan
Eleições 2008: Promotora pede impugnação de candidatura de Paulo Julião
Eleições 2008: Waldeir Colhado

Ubatuba
15º Festival do Camarão terá início no próximo dia 24, em Ubatuba
Bombeiros oferecem treinamento para sincronizar atendimento a emergências
Campanha de Doação de Sangue de Nosso Hospital
Eleições 2008: MP pede impugnação de Paulo Ramos e do vice de Eduardo Cesar
Eleições 2008: Associação Comercial reforça isenção política e quer propostas concretas dos candidatos

Seções
Poesia
Carta do Leitor
Foto do Dia




Notícias da Região Topo

Cesteb fecha cerco a barcos e marinas no Litoral Norte
Estatal exige cadastramento de empresas e reforça a fiscalização nas 4 cidades da região

Litoral Norte - Na tentativa de controlar os prejuízos ambientais gerados com as más práticas nas áreas náuticas das cidades de São Sebastião, Ilhabela, Caraguatatuba e Ubatuba, a Cetesb (Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental) vai implantar o Projeto Marinas.
O objetivo do projeto é adotar medidas para a adequação ambiental das atividades ligadas às embarcações, marinas, garagens, estaleiros e toda os setores e serviços envolvidos no apoio náutico. As propostas foram apresentadas na quarta-feira, em Caraguatatuba.
Entre os principais tópicos da iniciativa está o sistema de cadastramento das empresas, através das prefeituras e órgãos competentes, como Capitania dos Portos e a própria Cetesb.
Segundo o gerente regional da Cetesb, José Carlos Milaneli, a estimativa é que cerca de 300 empresas atuem no setor nas quatro cidades do Litoral Norte. "Mas só conheceremos com exatidão esses órgãos após a realização de um banco de dados, que será atualizado constantemente."
Segundo ele, as empresas terão 30 dia para se manifestarem e realizam o cadastro no órgão. "Algumas já estão entrando em contato conosco."
FISCALIZAÇÃO - Milaneli disse que essa é uma nova etapa do Projeto Marinas, que, anteriormente, já promoveu a capacitação de 90 profissionais que farão a fiscalização de toda a costa do Litoral Norte.
O gerente ressalta que as providências visam reduzir a incidência de irregularidades na região, como embarcações precárias no mar, fabricação e reforma de barcos sem licença da Cetesb, pinturas a céu aberto, garagens náuticas sem estrutura adequada, além de lavagens e manutenção imprópria das embarcações, inclusive a de pescadores.
Nos últimos dois anos, 25 empresas foram inspecionadas por agentes da Cetesb, e em todas foram encontradas irregularidades.
"Quanto aos problemas de resíduos no mar, pintura e marcenaria inadequados as ocorrências são inúmeras, muitas empresas já foram advertidas", disse ele.
Milaneli acredita que muitas das ações irregulares sejam fruto da falta de conhecimento adequado às normas exigidas, o que deve ser resolvido através das ações educativas também previstas no projeto.
Entre elas, estão a visitação à escolas, à marinas, iate-clubes e a própria sociedade civil. "Queremos colocar em prática medidas viáveis e que possibilitem com que a população do Litoral Norte se envolva na fiscalização das irregularidades encontradas atualmente", disse o gerente.
Para representantes de ONGs (Organizações Não-Governamentais) da região o programa deveria ser ampliado. "Ele vai trazer mais rigor ao cumprimento das ações de respeito ao meio ambiente, mas ainda há questões a serem vistas. Um problema que se verifica e não é abordado pelo Programa é a passagem das embarcações pela areia", disse Roberto Francine, vice-presidente da Associação Cunhambebe. (Fonte: ValeParaibano)

150 policiais civis da região devem entrar em greve no mês que vem

Litoral Norte - Os integrantes da Polícia Civil de todo o Litoral Norte devem anunciar, ainda nesta quinta feira, se irão aderir à proposta de greve, sugerida na semana passada, pelos sindicatos dos trabalhadores da instituição na capital paulista. Hoje à noite, em Ubatuba, ocorre a 5ª reunião dos policiais civis do Litoral Norte e região com os presidentes dos sindicatos, delegados e investigadores, com o intuito de discutir questões voltadas à greve da categoria e a passeata do grupo, prevista para o próximo domingo.
De acordo com um membro ativo do sindicato de Ubatuba, os servidores que atuam no Litoral Norte devem aderir totalmente à proposta de paralisação. "A reunião servirá para definir todas as nossas reivindicações ao Governo do Estado, mas, em primeiro momento, todos nós sabemos que no dia 13 de agosto os policiais da região irão sim entrar em greve", avisa o policial, que preferiu não se identificar, acrescentando que, aumento salarial, melhores condições de aposentadoria e contratação de pessoal para completar o efetivo atual são os temas principais da pauta de exigências dos trabalhadores.
Segundo os sindicatos dos delegados, escrivães e investigadores da Polícia Civil, a partir de 13 de agosto, serão mantidos apenas os plantões e serviços essenciais das delegacias. Ainda de acordo com os representantes dos trabalhadores, o Estado já recebeu um ofício sendo informado sobre a manifestação, porém, até o momento, o poder executivo paulista não respondeu ao documento dos sindicatos. Além da mobilização no Litoral Norte, os policiais pretendem levar a pauta de reivindicações também aos integrantes da instituição que atuam no Vale do Paraíba. O encontro acontece na sede da Associação Comercial de Ubatuba (rua Drº Esteves da Silva, n.51), a partir das 20 hs. (Fonte: Imprensa Livre)

Região participa de feira internacional de observação de aves

Litoral Norte - As aves de Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela estarão representadas na Inglaterra, onde se realiza anualmente a maior feira de observação de aves do mundo. Com o apoio do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares, o Litoral Norte levará dois representantes ao mais renomado evento da ornitologia internacional.
A Bird Fair (15, 16 e 17 de agosto) é o encontro de operadores do turismo de observação, ornitólogos (observadores de aves) numa grande feira de negócios e oportunidades, que abre a possibilidade de importantes contatos com os principais financiadores de projetos, envolvendo o estudo e a proteção das aves. A primeira edição da Bird Fair aconteceu timidamente em 1987, em uma reserva florestal e, isto, possibilitou ano a ano a sua ampliação e crescimento. Para a edição de 2008 estima-se um público de 18.000 especialistas e mais de 300 stands reunidos no maior evento mundial, com o tema aves.
"Se pretendemos tornar o Litoral Norte como destino do turismo de observação, a participação na Bird Fair é a melhor oportunidade para os contatos com o mercado emissor da Europa e dos Estados Unidos. Neste ano, graças ao apoio do Sinhores (Sindicato de Hotéis do Litoral Norte), poderemos mostrar ao mundo a importância da nossa avifauna e o potencial que a nossa região tem como destino do turismo de observação", explica um dos representantes que viajará para Inglaterra, o observador, Carlos Rizzo, lembrando que, a parceria com o Sindicato de Hotéis do Litoral Norte também permitirá uma expansão dos projetos do setor em toda região.
"Além dessa oportunidade mundial, que se abre com a participação na Bird Fair, a nova parceria com o Sinhores implica na expansão do trabalho pioneiro de Ubatuba para as outras cidades que compõe o Litoral Norte Paulista. A recente marca de 500 espécies de aves em Ubatuba, a rede hoteleira e gastronomia de primeiro mundo, a cultura e a história do Litoral Norte e, principalmente, as imensas áreas de preservação nas quatro cidades, colaboram para tornar a nossa região como um importante pólo receptivo do turismo de observação", completa Carlos Rizzo, revelando que, a observação de aves é considerada mundialmente uma atividade típica do turismo de qualidade que, além de envolver milhões de dólares em viagens, equipamentos e serviços, também colabora com a imagem de preservação ambiental de uma região. (Fonte: Imprensa Livre)

ONGs da região firmam convênio com a Petrobras em prol de um desenvolvimento sustentável

Litoral Norte - Um importante acordo, que havia sido gerado a partir de propostas e análises feitas em edições anteriores do Ecoadventur, ocorrido neste mês, foi firmado nesta edição entre a Realnorte - que é o colegiado de ONGs do Litoral Norte - a Petrobras e a Unisantos.
O convênio estabelece a formação de um comitê de diálogo para sustentabilidade do Litoral Norte denominado Condial e consiste na implantação de um centro experimental para o desenvolvimento sustentável (Cedes) que desenvolverá projetos, cursos de capacitação, experimentação para os representantes da sociedade civil e poder público para atender o objetivo de se ir além das medidas mitigadoras e compensatórias dos empreendimentos que estão em fase de implantação no Litoral Norte de SP.
Segundo os organizadores do Ecoaventur, 25 mil visitantes conheceram muitas ações positivas para o meio ambiente no Litoral Norte e, sem nada pagar, tiveram contato com o potencial do turismo de aventura da região e com a cultura regional.
O evento foi composto pelos eixos Enpro-Eco, Encontro Pró Preservação Ambiental e Responsabilidade Social no LN -SP, Fera - Festival de Ecoturismo, Esportes Radicais e de Aventura no LN-SP e Ecoadventur-Expo, feira de serviços, produtos e equipamentos.
O organizador do evento, Carlos B. Cavalcanti, afirma que "voltar para a Praça de Eventos no centro da cidade resultou em um sucesso ainda maior do que o das edições anteriores. Nos dois últimos anos em que o Ecoadventur foi realizado no Teatro Mário Covas e sua praça, tivemos a média de 15.000 visitantes em grande parte já qualificados como conhecedores de assuntos ecológicos ou interessados em atividades do turismo de aventura. Com a volta à Praça de Eventos de Caraguá, mais 12.000 pessoas que passavam pelo local foram atraídas pelo evento e nele absorveram ensinamentos e novas informações, o que responde a vários dos nossos objetivos".
O presidente do Instituto Onda Verde e realizador do evento, Paulo André Cunha Ribeiro diz que "o evento já está indo além do seu objetivo inicial de transmitir informações e produzir uma sensibilização quanto à importância dos fatores ambientais e ecológicos. Hoje, nos eventos passou-se a construir propostas não apenas para sensibilizar, mas para efetivar projetos e ações que, de fato, serão implementadas". Por meio de palestras e participação em reuniões temáticas, representantes e autoridades do meio ambiente nos quatro municípios movimentaram o eixo Enpro-Eco.
Além das palestras, o Ecoadventur ofereceu uma programação gratuita em que os visitantes puderam praticar atividades de aventura como tirolesa, clínica de mergulho, parede de escalada de 12 metros, arvorismo, clínica de canoagem e vôos de paraglider. Para crianças de 2 a 10 anos, o evento liberou o Playground Radicalzinho, um espaço lúdico e esportivo. Estandes de expositores como Petrobras e Fundacc atraíram centenas de crianças e jovens com variadas oficinas, muitos jogos e brindes relacionados às causa ambientais e às artes. (Fonte: Imprensa Livre)



O que pode e o que não pode durante a campanha eleitoral

É proibido, desde 48 horas antes até 24 horas depois da eleição, a veiculação de qualquer propaganda política na internet, no rádio ou na televisão - incluídos, entre outros, as rádios comunitárias e os canais de televisão aberta ou por assinatura. Durante esse período, fica proibida também a realização de comícios ou reuniões públicas.

Quem apóia quem?
Na hipótese de coligação, (união de vários partidos em apoio a um candidato) constarão da propaganda do candidato a prefeito, obrigatoriamente e de modo legível, sob a denominação da coligação, as legendas de todos os partidos políticos que a integram. A lei prevê também, que o nome do candidato à vice-prefeito deverá estar em local legível e de modo claro.

"Vote em mim, e eu..."
Oferecimentos, promessas ou solicitação de dinheiro, dádiva, rifa, sorteio ou vantagem de qualquer natureza é proibido pelo Código eleitoral, art. 243, V. É proibido na campanha eleitoral a confecção, utilização, distribuição de camisetas, chaveiros, bonés, canetas, brindes, cestas básicas ou quaisquer outros bens ou materiais que possam proporcionar vantagem ao eleitor, por comitê, candidato, ou com a sua autorização.

Sem bagunça!
Os candidato não podem utilizar qualquer coisa que perturbe o sossego público, com algazarra ou abuso de instrumentos sonoros ou sinais acústicos. A lei prevê também uma série de condições para a utilização de carros de som.
"São vedados a instalação e o uso de alto-falantes ou amplificadores de som em distância inferior a 200 metros das sedes dos Poderes Executivo e Legislativo, dos quartéis e de outros estabelecimentos militares".
A restrição vale também para os hospitais e casas de saúde, escolas, bibliotecas públicas, igrejas e teatros, quando em funcionamento". (Lei nº 9.504/97, art. 39)

A propaganda é a alma da eleição
Os candidatos podem utilizar a aparelhagem de sonorização fixa durante a realização de comícios entre as 8 horas e às 24 horas.

Sem shows!
A regulamentação da propaganda eleitoral proibiu a realização de showmício e de evento
assemelhado para promoção de candidatos, bem como a apresentação, remunerada ou não, de artistas com a finalidade de animar comício e reunião.

Responsabilidade sócio-ambiental
Nas árvores e jardins localizados em áreas públicas, não é permitida a colocação de propaganda eleitoral, mesmo que não lhes cause dano.

Muro pintado pode...
Em bens particulares, independe de obtenção de licença municipal e de autorização da Justiça Eleitoral a veiculação de propaganda eleitoral por meio da fixação de faixas, placas, cartazes, pinturas ou inscrições, que não excedam a 4metros quadrados

...Outdoor não
É vedada a propaganda eleitoral paga por meio de outdoors, caso isso ocorra, a empresa responsável, os partidos, coligações e candidatos será obrigado à retirar a propaganda irregular e estarão sujeitos ao pagamento de multa que pode ser no valor de R$ 5.320,50 a R$ 15.961,50.

Política na rede
A propaganda eleitoral na Internet somente será permitida na página do candidato destinada exclusivamente à campanha eleitoral. Os candidatos poderão manter página na Internet com a terminação can.br.

Debates
As tradicionais transmissões de debate político, feitos pelas redes de rádio e televisão, não poderá ultrapassar o horário de meia-noite dos dias 2 de outubro de 2008, primeiro turno, e 24 de outubro de 2008, no caso de segundo turno. Os pré-candidatos poderão participar de entrevistas, debates e encontros antes de 6 de julho de 2008, desde que não exponham propostas de campanha. (Fonte: Imprensa Livre)


Notícias de Caraguatatuba Topo

O Guaruçá Candidato, tenha sua página na internet!

Notícias dos Jogos Regionais

Acompanhe todas as notícias dos Jogos Regionais no site:

http://jogosregionais.caraguatatuba.sp.gov.br/


Sem acordo em audiência, greve dos Correios é mantida

Caraguatatuba - A reunião entre representantes dos funcionários, Ministro das Comunicações e dirigentes dos Correios no Tribunal Superior do Trabalho (TST) terminou sem acordo na manhã desta quarta-feira, dia 15. Com isso, a greve iniciada em 1º de julho vai continuar. Até ontem, segundo a Empresa de Correios e Telégrafos (ECT), a paralisação havia prejudicado a entrega de cerca de 108 milhões de cartas.
De acordo com a assessoria de imprensa do TST, a ECT apresentou uma segunda proposta aos grevistas, com gratificação de 30% aos carteiros, a serem calculados sobre o salário base de cada um e pagos proporcionalmente às horas efetivamente trabalhadas em serviços de coleta e entrega. Além disso, a proposta contém o pagamento de 50% dos dias parados e a proibição de demissões pelo prazo de 60 dias, a partir de 18 de julho.
Segundo a assessoria de imprensa do Sindicato dos Carteiros de São José dos Campos, diversas assembléias foram feitas pelo País, após a decisão do TST, para decidir sobre a aprovação ou não da medida. A decisão foi enviar ao TST uma contra - proposta, solicitando os 30% de periculosidade, e o PCCS ser estendido aos carteiros, pois de acordo com a assessoria de imprensa do sindicato, a proposta do TST foi de 12% a 15% de periculosidade aos carteiros e funcionários e o PCCS apenas para funcionários internos, não se estendendo aos carteiros. Caso esta contra - proposta não seja aceita pelo Tribunal, outra possível negociação acontecerá apenas no dia 14 de agosto.
A primeira proposta que havia sido feita, de encerrar a greve e iniciar uma rodada de negociações, não foi aceita pelos funcionários dos Correios.
O presidente do TST, ministro Rider Nogueira de Brito, afirmou que, a partir de agora, o processo será julgado pelo Tribunal, em data a ser definida. Para isso, foi sorteado o relator do processo, ministro Maurício Godinho Delgado.
Os trabalhadores deflagraram a greve em protesto contra o descumprimento do acordo sobre adicional de periculosidade de 30% para os carteiros, a tentativa de imposição do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) sem negociação com a categoria e a não-revisão da participação nos lucros, que teria sido distribuída de forma desigual. (Fonte: Imprensa Livre)

No masculino Tênis de Caraguá vence Aparecida

Caraguatatuba - Na categoria Masculino Livre, o Tênis da cidade sede dos jogos regionais venceu por duas vezes o município de Aparecida. As partidas na tarde de ontem, no Centro Esportivo Municipal Ubaldo Gonçalves, tiveram vitórias, no primeiro jogo do tenista Wellington em cima de Rafael Ferraz, com parciais 6x0 e 6x0. No segundo jogo o placar se repetiu, Marcelo ganhou por 2x0 do tenista Renato Oliveira. (Fonte: Imprensa Livre)

Projeto Água de beber abre inscrições para o curso Melhore o seu negócio II

Caraguatatuba - Micro e pequenos empreendedores interessados em abrir ou ampliar suas atividades têm a oportunidade de participar do "Melhore o seu negócio" II, uma formação gratuita ministrada pelos especialistas do projeto Água de Beber, de Comer, de Usar e Conservar... Ciclos Contínuos" - uma iniciativa do Instituto Supereco com o patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras Ambiental. O curso inicia dia 12 de agosto e será realizado às terças-feiras, das 15 às 18 horas, na Escola CIEF - Porto Novo.
Os participantes vão ser orientados sobre empreendedorismo, vendas, marketing e gestão financeira. "Nosso objetivo é oferecer ferramentas para melhorar o próprio negócio e contribuir com o meio ambiente, como fizemos no curso Melhore o seu negócio I ", afirma a gestora social do "Água de Beber", Cristina Filizzola.
A artesã Celeste Mattos Figueiredo, do grupo Ciclos Contínuos e que participou do "Melhore o seu Negócio I", recomenda o curso. "Sempre gostei de artesanato, mas não tinha paciência para fazer nada, mesmo assim, me inscrevi no curso. Graças às palestras, aprendi a fazer velas artesanais e tenho como principal objetivo aperfeiçoá-las a cada dia".
Os interessados em participar do "Melhore o seu Negócio II" devem se inscrever até o dia 30 de Julho, no escritório do Instituto Supereco - Pça. José Rabelo da Cunha, 48 - Sala 09, pelo telefone (12) 3883 - 2978 ou por e-mail: supereco_lnorte@supereco.org.br.
Programação:
12.08.08 - Apresentação dos integrantes, do Supereco, do ciclo de palestras e a ligação da geração de renda com conservação ambiental (sustentabilidade).
19.08.08 - Empreendedorismo social e cidadania.
26.08.08 - Marketing social, vendas e sua relação com a ecoeficiência: uma ferramenta para seu negócio crescer.
02.09.08 - Aula prática de Marketing social, vendas e ecoeficiência.
16.09.08 - Como calcular os preços dos meus produtos/serviços?
23.09.08 - Vamos conhecer outras experiências!
30.09.08 - Fechamento, entrega de certificado, apresentação final. (Fonte: Supereco)



Caraguatatuba: Cidade tem 8 mil novos eleitores

Para as eleições deste ano, Caraguatatuba está com um total de 65.735 eleitores aptos na a votarem no dia 3 de outubro. Foi um aumento de 12,2%, ou seja, 8.027 novos eleitores, em relação às eleições de 2004. Na época estavam cadastrados no cartório eleitoral de Caraguá 57.708 eleitores.
Para este acréscimo de eleitores, a Justiça Eleitoral abriu três novas seções, que foi inclusive, segundo a responsável pelo cartório eleitoral, Maria de Lourdes Dias, reivindicações e solicitações da própria população, que alegaram tumultuo e muita fila na hora de votar.
Essas três novas seções atendem a 229 eleitores e ficam nos bairros Rio do Ouro, Pegorelli e Poço da Anta. Porém, a seção do bairro Poço da Anta será agregada em outra escola, por ter o menor número de eleitores, 29 apenas. "Para abrirmos uma nova seção, em uma escola diferente, tem que ter, no mínimo, 50 eleitores cadastrados e aptos, o que não é o caso deste bairro, portanto deveremos agregar provavelmente no Pegorelli, que é o local mais próximo", afirmou Maria de Lourdes.
Ela explica ainda que para abrir uma nova seção existem burocracias e estruturas, por isso o número mínimo de 50 eleitores. "Temos que estruturar toda a escola, chamar mesários, e com número reduzido de eleitores é muito desperdício, não compensa o custo benefício, portanto faremos a agregação", finalizou.
Maior colégio eleitoral - Mesmo com duas escolas apenas, Escola Estadual Thomaz Ribeiro de Lima e Colégio Módulo, o Centro de Caraguatatuba ainda reúne o maior número de eleitores, entre suas 25 seções, totalizando 9.832 eleitores aptos. Veja quadro de número eleitores cadastrados e aptos, e seus respectivos bairros. (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ilhabela Topo

Portal da Palmeira Candidato, tenha sua página na internet!

Final de semana em Ilhabela será marcado pelas regatas de monotipo

Ilhabela - Será realizada nesta sexta-feira, 18, a abertura da 35ª Semana de Vela de Monotipo de Ilhabela, na sede do evento, a Secretaria Municipal da Juventude, Esporte e Lazer, a partir das 12 horas.
As regatas de monotipo contarão com a participação de classes olímpicas, pan-americanas entre outras, além do Kite Surf e fórmula Wind. As classes olímpicas são Laser (Standart e radial feminino), Star e Tornado; as pan-americanas são Snipe e Hobie Cat 16. Além das classes jovens Optimist, Holder, Laser (4.7 e radial masculino) Byte e 420.
A Semana de Monotipo contará ainda com as classes Fórmula Wind Surf, Kite Surf, Nacra 20, Hobie Cat 14, Scarler e Dingue.

Veja a programação da Semana de Monotipo:

18/07
9:00 Inscrições
12:00 Abertura Oficial
13:00 1ª Regata do dia

19/07
12:00 1ª Regata do dia

20/07
11:00 1ª Regata do dia
17:00 Premiação - Sede Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer (Fonte: Imprensa Livre)

Ambulancha está paralisada há cerca de 1 ano; veículo custou R$ 138 mil aos cofres públicos

Ilhabela - Quem passa pela praia do Saco da Capela, próxima à Secretaria de Esportes e Lazer de Ilhabela pode ver a ambulancha, que custou R$ 138 mil aos cofres públicos e é responsável pelo atendimento do Programa de Saúde da Família (PSF) nas 15 comunidades tradicionais de Ilhabela paralisada.
A embarcação está fora de circulação há mais de um ano por causa de um problema no motor. De acordo com o secretário de Saúde, Dr. Arquimedes Hypólito, a embarcação recebe manutenção e fica alojada na Secretaria de Esportes junto a outros barcos.
Em dois anos e quatro meses de vida, a lancha foi utilizada pela população por aproximadamente 1 ano. O secretário explica que depois da paralisação da lancha o motor foi desmontado para identificar as possíveis causas do problema. "Nós identificamos que o problema não era de responsabilidade da empresa que montou a lancha. Investigamos também se foi por mau uso ou combustível adulterado, mas essas hipóteses não foram confirmadas", conta.
O problema aconteceu em uma peça na cabeça de força do motor que já não estava mais na garantia. Segundo Dr. Arquimedes, o conserto dessa peça vem se mostrando difícil, dada a complexidade do conserto de motores grandes como o da ambulancha. "Nossas únicas alternativas são trocar o motor ou recondicionar a peça, mas não estamos conseguindo encontrar essa peça no mercado e nem quem a recondicione", fala. Um motor novo custaria cerca de R$ 30 mil. "Se não tivermos outra alternativa, vamos ter que conseguir dinheiro para comprar um motor novo", enfatiza.
Sem a ambulancha, as visitas dos profissionais de saúde às comunidades tradicionais voltaram a ser feitas por meio de aluguel de lanchas que custam R$ 700 por viagem. Com a embarcação da saúde a Secretaria havia conseguido reduzir os gastos das viagens em pelo menos 50%.
Dois anos de ambulancha
A ambulancha foi entregue à Secretaria de Saúde do município em março de 2006, em cerimônia oficial no Paço Municipal. Ilhabela é o único município do Estado a participar do programa do Ministério da Saúde para atendimento de comunidades ribeirinhas e habitantes de ilhas. A ambulancha tem como objetivo atender os casos de emergência e urgência nas 15 comunidades tradicionais do arquipélago, além de levar a equipe médica e odontológica do PSF (Posto de Saúde da Família) para visitas preventivas e atendimentos regulares. Na ocasião, o prefeito Manoel Marcos destacou que este tipo de atendimento pelo mar somente é realizado pelo Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, no Estado do Paraná e nos arredores de Belém do Pará.
A lancha tem 28 pés em fibra de vidro, motor 250 Mercury, sistema elétrico com chave geral, cabine de comando e plataforma e espelhos para facilitar a entrada e saída do paciente, e todos os equipamentos de navegação. Ela foi batizada de "arrelá" - termo caiçara que significa que pena ou que dó -, em homenagem ao caiçara Aristides Correa Dória, que tinha esse apelido.
O custo da embarcação foi de R$ 138 mil, sendo que a maior parte foi paga pelo Ministério da Saúde, cerca de 130 mil, e o restante pela prefeitura. (Fonte: Imprensa Livre)

Polícia Federal ainda não fez a extradição do italiano preso em Ilhabela

Ilhabela - O italiano Pierluigi Bragaglia, conhecido em Ilhabela como Paolo Luigi Rossini Lugo, preso no ultimo dia 4 de julho pela Policia Federal no município, ainda continua no Brasil. Segundo a advogada de defesa Maria Fernanda Carbonelli Muniz, o crime já estaria prescrito no Brasil, e, portanto não comportaria a extradição, conforme solicitou o Governo da Itália.
Pierluigi é bem visto na cidade e cultiva a boa impressão da vizinhança. Sua prisão foi notícia dos principais jornais internacionais, especificamente na imprensa italiana porque era procurado pela Justiça Italiana e pela Interpol há 26 anos.
A Polícia Federal o prendeu sob a acusação de fazer parte de um grupo terrorista italiano denominado Grupos Armados Revolucionários (NAR), de extrema-direita, e de ter participado de diversos crimes. O italiano foi condenado pela Corte de Apelação de Roma, em 17 de junho de 1988, em caráter irrevogável, a uma pena de 12 anos e 11 meses, acrescida de 3 anos de liberdade vigiada, decorrente da soma de vários crimes, como constituição de bando armado, assalto agravado, seqüestro, detenção e porte abusivo de munição e armamento de guerra. A prisão ocorreu após diligências da PF realizadas ao longo de 15 dias. A polícia italiana investigava o paradeiro de Bragaglia, no Brasil, há pelo menos um ano, e assim que a localização suspeita foi confirmada, a polícia brasileira foi acionada. Segundo informações da advogada Maria Fernanda, a prisão preventiva ocorreu a pedido do Supremo Tribunal Federal para fins de extradição, solicitada pelo governo da Itália.
A advogada confirmou que Pierluigi não ofereceu qualquer resistência a prisão, ao contrário colaborou com toda ação policial. "Depois de um depoimento de quase cinco horas, onde fora questionado pelo Delegado da Policia Federal de São Sebastião José Roberto a respeito dos crimes que fora condenado na Itália, o mesmo confessou a participação em alguns dos crimes, e ficou consignado que os crimes cometidos na juventude de Pierluigi quando tinha entre 17 e 19 anos de idade foram cometidos com fins políticos", explicou. Maria Fernanda conta que Pierluigi na juventude fazia parte de um grupo de extrema direita que era contra o governo italiano instituído na época.
Para a advogada o italiano era respeitado na comunidade, e a população de Ilhabela o está apoiando. "Dias depois da prisão estava passeando com meus filhos na Vila, e fui abordada por diversas pessoas, que declararam seu apoio e solidariedade a Pierluigi, inclusive se dispondo a fazer um abaixo assinado", conta.
O italiano mantinha um comércio na cidade e nunca teve problemas com a polícia brasileira. Maria Fernanda acredita que o Governo do Brasil vai se sensibilizar com o caso. "Diversos políticos que estão hoje no poder fizeram parte do movimento estudantil contra a ditadura em nosso país, estes estudantes, idealistas cometiam crimes para chamar a atenção das autoridades, hoje vivemos num estado democrático de direito graças a atuação destes estudantes", ressalta. (Fonte: Imprensa Livre)

Prefeito Manoel Marcos recebe visita do candidato a prefeito de Josenópolis Gumercindo Pestana

Ilhabela - O prefeito de Ilhabela, Manoel Marcos de Jesus Ferreira, recebeu na quarta-feira, 16, a visita do candidato a prefeito de Josenópolis - MG, o Sr. Gumercindo José Pestana com seu irmão Alcides José Pestana, morador e empresário em Ilhabela. Na ocasião o Sr. Gumercindo que em visita a cidade, estiveram no gabinete do prefeito para conhece-lo e também para elogiar o trabalho que esta administração vem desenvolvendo perante a comunidade e também agradecer a acolhida aos migrantes de sua região que escolherem Ilhabela para firmar residência. O Sr. Gumercindo faz parte da história de Josenópolis, cidade emancipada há apenas 12 anos. Ainda Distrito de Grãomogol, foi emancipada após esforços do Sr. Gumercindo, na situação Vice prefeito. Ainda em sua vida política foi vereador por duas vezes, vice prefeito por uma vez, foi prefeito por duas vezes consecutiva e hoje concorre a vaga de prefeito da cidade. (Fonte: Prefeitura Municipal de Ilhabela)

Câmara suspende expediente devido à reforma de suas instalações

Ilhabela - A Câmara Municipal de Ilhabela suspenderá seu expediente de amanhã (sexta-feira, 18/07) até a próxima terça-feira (22/07) devido à reforma em suas instalações, de acordo com a Portaria n°31/2008 assinada pelo presidente do Legislativo, o Professor Joadir Capucho (PTB).
Além do mês de julho ser recesso legislativo - período em que verifica-se uma sensível redução dos trabalhos legislativos, em função da não realização das sessões ordinárias e a conseqüente não apresentação de matérias - as reformas necessárias no prédio da Câmara dificultam a realização dos trabalhos e ainda expõem os funcionários a um ambiente insalubre.
As atividades do Legislativo serão retomadas no próximo dia 23 de julho, a partir das 9 horas. (Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Marcelo Fragali recebe Título de Cidadão Honorário de Ilhabela

Ilhabela - A Câmara Municipal de Ilhabela realizará no próximo dia 1º de agosto, às 17 horas, uma sessão solene para a entrega do Título de Cidadão Honorário de Ilhabela ao empresário Marcelo de Carvalho Fragalli.
O Vereador Jadiel Vieira, o Keko (PTB), é o autor do Decreto Legislativo que concede o título a Marcelo devido aos serviços prestados à comunidade e ao município.
O homenageado é paulistano e herdou de seus pais, Pedro e Lolinha, a paixão por Ilhabela, onde se fixou há 25 anos.
Dentre as suas inúmeras conquistas profissionais está a concessão da extinta TV Manchete, hoje Rede TV. Empresário bem sucedido, destaca-se não apenas por sua atuação na área empresarial, mas principalmente por sua efetiva participação nos projetos sociais e por sua contribuição relevante à comunidade, realizando investimentos proeminentes em saneamento básico na Praia do Pinto. Hoje é Vice-Presidente da Associação de Moradores da Praia do Pinto.
Seu casamento com a apresentadora Luciana Gimenez, realizado na tradicional Fazenda Ponta das Canas, colocou Ilhabela em destaque na imprensa nacional. (Fonte: Câmara Municipal de Ilhabela)

Membros da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes recebem treinamento em Ilhabela

Ilhabela - Na última quarta-feira, 15, no salão do auditório da Prefeitura de Ilhabela foi realizado um treinamento para a formação dos cipeiros da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), para gestão 2008-2009. O evento foi organizado pela Santa Casa de Misericórdia de Ilhabela em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e a empresa de Assessoria em Medicina e Segurança do Trabalho ASSIMED.
A CIPA é uma comissão composta por representantes do empregador e dos empregados, e tem como missão a preservação da saúde e da integridade física dos trabalhadores. Em Ilhabela, a comissão é formada por 34 membros, sendo metade eleita pelos funcionários e a outra pelo empregador.
Na ocasião foram tratados assuntos técnicos, conforme Lei Federal n.º 6.514/78 na portaria n.º 3.214/78 do Ministério do Trabalho e Emprego, para a elaboração e implantação das Normas Regulamentadoras que se referem a prevenção de doenças ocupacionais e acidentes do trabalho, tais como: Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (NR-9 PPRA); Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (NR-7 PCMSO); Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (NR-5 CIPA); uso de EPI - Equipamento de Proteção Individual; Noções Básicas de Prevenção de Incêndio e Primeiros Socorros e da própria Segurança do Trabalho.
O encontro foi dirigido pelo palestrante e diretor da ASSIMED, Oscar Juan Soto Rivas, especializado na matéria, juntamente com sua equipe técnica, dirigida por Demetrius Lino Escobar. Participaram do encontro trabalhadores da Saúde que formam a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e a equipe de profissionais técnicos do trabalho, responsáveis pela implantação destas normas, além de convidados da área que, interagindo de forma notável, otimizaram o aproveitamento das matérias tratadas.
Participaram também o secretário municipal da Saúde de Ilhabela, Arquimedes Hippolyto e os funcionários do Hospital Municipal Gov. Mário Covas, Paulo Henrique F. Castro e Ronie Francisco de Paula. "Agradecemos o apoio do provedor da Santa casa de Misericórdia de Ilhabela, Durval Monteiro, somado a eficiente participação do diretor de Saúde, Márcio Tenório, que coroaram o sucesso deste evento", frisou o palestrante Juan.
O encerramento contou com a presença destacada do prefeito Manoel Marcos de Jesus Ferreira, que agradeceu a participação de todos e manifestou sua grande satisfação ao constatar o sucesso nos resultados práticos dos trabalhos na prevenção de acidentes. "Não basta implantar instalações físicas, a formação da equipe de trabalho é fundamental para bom funcionamento dos serviços, qualificando e preparando estes profissionais. A Segurança do Trabalho começa no trabalhador, daí a necessidade de informá-lo e treiná-lo através de cursos, palestras e textos educativos", ressaltou o prefeito. (Fonte: Prefeitura Municipal de Ilhabela)

Notícias de São Sebastião Topo

Candidato, tenha sua página na internet! Basfibra

Defesa Civil captura cobra jararaca no bairro Reserv Du Moulin

São Sebastião - Os agentes da Defesa Civil de São Sebastião recolheram ontem uma cobra jararaca que estava dentro de um quarto de manutenção, no bairro Reserv Du Moulin, na região central. Eles foram acionados por um morador e após a captura levaram o réptil para a mata.
Essa espécie de cobra, do gênero Bothrops jararaca, tem veneno altamente letal. A encontrada na Reserva é uma fêmea adulta e mede aproximadamente 1,20 metro. De acordo com o biólogo e chefe da Defesa Civil, Paulo Galeano, esse tipo de serpente tem hábito noturno, mas normalmente hiberna durante o inverno. "A proximidade com a área urbana e a facilidade de alimentação atrai esse tipo de réptil".
A jararaca foi a segunda cobra capturada pelos agentes da Defesa Civil. Na terça-feira, dia 15, eles foram acionados para pegar uma caninana que se encontrava no telhado de uma casa em Maresias, na Costa Sul da cidade.
Do gênero Spilotes Pullatus, essa serpente tem hábito diurno, fama de brava, de que corre atrás e alguns dizem que ela é extremamente perigosa, porém tudo não passa de uma fama injusta. Como a maioria das cobras não venenosas, pode até morder, mas não passará de um arranhão.
De acordo com Paulo Galeano, em São Sebastião, as cobras mais comuns são as do gênero Bothrops (jararaca, jararacuçu) e Micrurus (coral), a mais perigosa e venenosa do país.
A principal orientação para quem encontrar cobras próximo a residências é acionar a Defesa Civil pelo telefone 199 ou a Polícia Ambiental - 3862.0628, para Costa Norte e região central, e 3863.1204 para a Costa Sul.
Pingüins - No final da tarde desta quarta-feira, os agentes da Defesa Civil foram acionados para recolher mais dois pingüins que apareceram na Praia Grande. Eles estão vivos e serão encaminhados para avaliação e levados para uma fundação. IMP



Eleições 2008: Oposição tenta impugnar candidatura de Juan

O prazo dado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para representação de impugnação (contestação) de candidaturas começou ontem e o cartório eleitoral de São Sebastião já recebeu a primeira denúncia desta campanha eleitoral feita pela coligação 'São Sebastião de mãos limpas' (PDT, PSC, PSDC, PT, PT do B, PRTB, PTC, PRB, PP, PV, PSL, PMDB, PTB e DEM), através do candidato a vereador e vice-prefeito Paulo Henrique, contra o atual prefeito e também candidato pelo PPS, Juan Garcia.
A alegação da oposição é de que o atual prefeito não pode lançar candidatura por ser o presidente da Abramt (Associação Brasileira dos Municípios comTerminais Marítimos, Fluviais e Terrestres para Embarque e Desembarque de Petróleo e Gás Natural).
De acordo com a alegação no processo, o candidato não exerce condições constitucionais legais para exercer o direito de ser votado, baseados em artigos da Lei Complementar nº 64/90 e nos parágrafos 3º e 9º do artigo 14 da Constituição Federal.
O candidato a vereador Paulo Henrique afirma que Juan Garcia registrou no cartório a ata da reeleição da presidência da Abramt no dia 9 de junho. "Ele continua como presidente, assim como os outros membros da entidade", declara o autor da ação.
A Justiça Eleitoral diz que os candidatos não podem ocupar cargos desse tipo. O candidato do PPS tem o prazo de sete dias para apresentar a contestação.
O Ministério Público poderá fazer seu pronunciamento em até cinco dias depois, que poderá ser recorrido. Todos os trâmites deverão ocorrer dentro do prazo de 18 dias. No caso do processo chegar ao TRE (Tribuna Regional Eleitoral), o juiz deverá dar a ação como transitada e julgada até o dia 23 de agosto.
A coligação de Juan, 'São Sebastião não pode parar', se manifestou em relação ao processo e afirma que todos os trâmites de desincompatibilização de Juan da presidência da Abramt foram feitos dentro do prazo exigido pela Justiça Eleitoral.
Em contato com a Associação, o Imprensa Livre apurou que atualmente quem responde pela Abramt é o conselho de procuradores dos municípios membros da organização, tendo como responsável o Procurador de São Sebastião, Alessandro Mauro Thomaz.
Procurado pela reportagem, Alessandro afirmou que só apresentará documentos que comprovem a real data do afastamento de Juan Garcia, da Abrant, mediante requisição judicial por se tratar do motivo do processo.
O advogado da coligação 'São Sebastião não pode parar' informou em nota:
"Em relação ao noticiado no cartório eleitoral, tenho a considerar que em que pese a frágil alegação dos autores, baseada em reportagens jornalísticas e também de impressão de páginas da internet, quais alegam que não houve por parte do candidato Juan, a necessária desincompatibilização com a Associação Brasileira dos Municípios com Terminais Marítimos, Fluviais e Terrestres para Embarque e Desembarque de Petróleo e Gás Natural - ABRAMT, todas as providências com relação ao que determina a lei complementar 64/90 foram tomadas, inclusive com a ABRAMT, o que se demonstrará de modo incontestável nos documentos a serem juntados nos autos no prazo legal. Estão fazendo uma tempestade em copo d'água, não há qualquer irregularidade com a candidatura do Juan para prefeito. Para se ter uma idéia, as atas juntadas pelos autores na impugnação, são do ano de 2006, não havendo nada atualizado.
Não vejo nessas pessoas que alardeiam o caos, qualquer interesse e ações em melhorar a cidade. O que vejo neles é apenas desespero em relação às eleições, o que os tornam pessoas fracas de espírito e perigosas para a sociedade, pois utilizam o Judiciário de modo irresponsável, propondo ações de cunho eminentemente político.
Aproveitam-se da imprensa apenas para espalhar boatos falsos, vinculados a um processo infundado e nada mais. São pessoas vazias, inoperantes como cidadãos.
Para confirmar o que digo, vejam o "slogan" da oposição a que
pertencem, 'São Sebastião em mãos limpas' e compare se os políticosque a compõem realmente são limpos.
Dessa forma, não temos qualquer receio do tapetão, considerando-se que foram tomadas todas as providências cabíveis em relação à desincompatibilização do candidato da Coligação 'São Sebastião não pode parar', conforme determina a legislação eleitoral."
Dr. Rodrigo Miranda Salles (Fonte: Imprensa Livre)

Eleições 2008: Promotora pede impugnação de candidatura de Paulo Julião

A promotora de Justiça, Adriana Maria Rodrigues, apresentou um pedido de impugnação da candidatura do ex-prefeito Paulo Julião, que neste ano concorre a uma vaga na Câmara de vereadores. A promotora se baseia no parecer do Tribunal de Contas do Estado que foi desfavorável às contas municipais de 2004, quando Paulo Julião exercia o cargo de prefeito.
Conforme argumenta Adriana na representação, a Constituição Federal, em seu artigo 37, determina que os atos de improbidade administrativa provocarão a suspensão dos direitos políticos.
Já o ex-prefeito diz estar tranqüilo quanto à manutenção de sua candidatura, pois entende que o Tribunal de Contas (TC) não tem competência para julgar. Ele explica que o parecer do TC foi rejeitado pelos vereadores durante sessão realizada em fevereiro deste ano. Na ocasião, apenas os vereadores Robson Ceará, Solange Ramos e Kotian, votaram a favor do relatório.
No processo do TC, é levantado o por quê do excessivo pagamento de horas extras para funcionários, despesas com publicidade e com festividades na cidade, como a Festa do Padroeiro e Carnaval. Segundo informou o Cartório Eleitoral, o candidato tem sete dias para apresentar sua defesa na ação. (Fonte: Imprensa Livre)

Eleições 2008: Waldeir Colhado

Nome: Waldeir José Colhado
Idade: 54 anos
Fornação: 3º Grau Completo
Partido: PSDB
Vice-prefeito: André Luiz Flores Tarcha (PSDB)


O candidato tucano para a prefeitura de São Sebastião, Waldeir José Colhado nasceu em Paranavaí, no Paraná e veio para São Paulo com 17 anos. Seu primeiro emprego foi de office-boy na Prefeitura de Taboão da Serra, onde permaneceu durante 21 anos, chegando a trabalhar na Procuradoria Jurídica do município e a ocupar o cargo de diretor geral da Câmara. Foi assim que Waldeir teve seu primeiro contato com a Administração Pública.
É casado com Maria Erlete Hojak há 32 anos, com quem teve três filhos, e avô de dois netos. O advogado formado pela PUC, em São Paulo, teve aula e vivenciou experiências com nomes conhecidos no cenário político, como Franco Montouro, Fernando Henrique Cardoso entre outros. Foi nos bancos de faculdade que Waldeir teve seu primeiro contato com os ideais políticos do PSDB.
Trajetória política - A candidatura para a prefeitura de São Sebastião é a primeira disputa com representatividade de Waldeir, que até então, só tinha se envolvido politicamente através da militância estudantil na época da ditadura, chegando até ser interrogado pelo DOPS (Departamento de Ordem e Política Social), órgão do governo na época da ditadura.
Apesar de ter se formado em Direito, o candidato direcionou sua carreira profissional para a área da construção civil em 1992. Desde então, passou a exercer a posição de empresário, que ocupa até hoje.
Voltado quase que integralmente para o trabalho, o filho de comerciante viu na expansão da rodovia Rio-Santos a possibilidade de ampliação dos seus negócios. Há 13 anos, Waldeir está em São Sebastião e declara gratidão à cidade por tê-lo recebido tão bem e lhe proporcionado grandes oportunidades. Por conta de sua relação de trabalho, a base política do candidato tucano está em Boracéia, outros bairros da Costa Sul e Topolândia. A candidatura para prefeito pelo PSDB não está coligada com outros partidos, e terá o slogan "São Sebastião pode mais".  (Fonte: Imprensa Livre)

Notícias de Ubatuba Topo

Candidato, tenha sua página na internet! ACIU

15º Festival do Camarão terá início no próximo dia 24, em Ubatuba
Além dos deliciosos pratos à base de camarão, diversas apresentações animarão o público durante todos os dias

Ubatuba - Entre os dias 24 e 27 de julho acontece, na belíssima Praia da Almada, região norte de Ubatuba, a 15ª edição do Festival de Camarão, uma festa já tradicional, que atrai moradores de toda a parte do município e muitos turistas. Os visitantes comparecem ao evento para se deliciarem com os pratos elaborados à base de camarão.
Além dos pratos típicos, diversos eventos animarão o público durante todos os dias. Serão shows de diversos estilos musicais, além de apresentações teatrais, danças folclóricas e regionais, corrida de canoas e até mesmo solturas de tartarugas marinhas, com a participação do Projeto Tamar.
Entre as delícias que serão oferecidas estão: bobó, risoto, camarão no espeto, camarão na moranga, bolinho de camarão e muitos outros pratos, que poderão ser apreciados a preços variados. O evento é promovido pela Sociedade Amigos da Almada (Saba), em parceria com a Prefeitura Municipal, por meio da Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba (Fundart), Secretaria de Turismo e da Administração Regional Norte.

Confira a programação e prestigie!!

24 de julho - quinta-feira
12h - Abertura do Festival, com almoço, apresentação do Sexteto Caiçara e show do Isac (MPB)
19h - Grupo O Guaruçá (Folclore Cultural)
20h - Banda Cronus
21h - Banda UB 4
22h30 - Banda Cravo (MPB)
24h - Encerramento

25 de julho - sexta-feira
10h - Abertura
12h - Almoço com show de Gabriel Duarte (MPB)
16h - Soltura de tartarugas (Projeto Tamar)
18h - quadrilha Caipira da Picinguaba
19h - Show "Em Caiçarês", com o ator Bado Todão
21h30 - Banda Pé-de-pano
23h - Banda Raman

26 de julho - sábado
10h - Abertura
12h Almoço com a Banda The Reverend
17h - Fandango Caiçara
19h30 - Quadrilha e Dança da Fita do Itaguá
21h - Teatro Pantonima Silvio de Andrade
22h - Banda Level 5
23h - Banda Pracaniz

27 de julho - domingo
10h - Abertura
11h - soltura de tartarugas (Projeto Tamar)
12h Almoço, show com Isac (MPB)
14h30 - Grupo de Capoeira Arte Universal
15h - Corrida de Canoas
18h30 - Hud e Heison - Sertanejo
20h - Acauã e Pantanal - Sertanejo
21h - Bonsucesso e Niterói - sertanejo PMU

Bombeiros oferecem treinamento para sincronizar atendimento a emergências
Foram passadas orientações teóricas e práticas, com noções de prevenção de acidentes, primeiros-socorros, incluindo o transporte de acidentados e como agir em situações como fraturas, queimaduras e outras emergências

Ubatuba - A Base dos Bombeiros de Ubatuba, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, realizou nesta quinta-feira, 17, um treinamento para 13 pessoas, entre elas motoristas, guardas municipais e funcionários da prefeitura, em geral, para uniformizar os atendimentos pré-hospitalares no município. Os participantes do workshop ministrado pelos bombeiros são pessoas ligadas a setores que ocasionalmente podem se envolver em situações que exijam atendimentos a emergências.
"Este é o primeiro de uma série de treinamentos que vamos fazer junto à prefeitura para sincronizarmos os atendimentos", explica o comandante da Base de Bombeiros de Ubatuba, o 2º Sargento Meirelles.
Foram passadas orientações teóricas e práticas, com noções de prevenção de acidentes, primeiros-socorros, incluindo o transporte de acidentados e como agir em situações como fraturas, queimaduras e outras emergências.
"O Corpo de Bombeiros vem ajudar ao atendimento que já existia em Ubatuba, que, inclusive, era prestado com extrema qualidade pelo Salvamar, Polícia Rodoviária Federal, Defesa Civil e ambulância", disse Meirelles, que anunciou um projeto chamado Centro de Emergência Unificado (CEU), onde, em um breve futuro, estas instituições poderão trabalhar totalmente integradas. "Nossa intenção é, principalmente, compartilhar experiências, distribuindo melhor os meios existentes. Antes, o 'piano' era carregado apenas pelas instituições citadas anteriormente, agora os bombeiros vieram para ajudar a dividir o peso, refletindo em um serviço ainda melhor para a comunidade".
Ainda de acordo com o comandante, outras turmas também receberão as mesmas instruções, "pensando também em grandes ocorrências, onde todos poderemos atuar em conjunto", concluiu Meirelles. (Fonte: Prefeitura Municipal de Ubatuba)

Campanha de Doação de Sangue de Nosso Hospital

Ubatuba - Venha contribuir a favor da vida!
Dia 25 de julho, sexta-feira, das 08:00 às 12:00h na Santa Casa.
Entrada pela portaria da Thomaz Galhardo.
A equipe do Hemonúcleo de Taubaté será a responsável pela coleta.
Contamos com sua participação.




Eleições 2008: MP pede impugnação de Paulo Ramos e do vice de Eduardo Cesar

De acordo com informações do cartório eleitoral de Ubatuba, o Ministério Público entrou com dois pedidos de impugnação da candidatura de políticos que estão na disputa pelo Poder Executivo municipal, neste ano. O cartório eleitoral recebeu as solicitações referentes ao ex-prefeito Paulo Ramos e o atual vice na chapa de Eduardo Cesar, Moralino Valim Coelho.
Segundo os dados passados pelo cartório, ambos os pedidos feitos pelo Ministério Público ocorreram em razão de irregularidades na prestação de contas públicas dos políticos. A responsável pelo cartório não pôde passar mais detalhes sobre os processos e adiantou que ainda não foi feita a notificação aos políticos envolvidos.
O Imprensa Livre entrou em contato com o ex-prefeito Paulo Ramos, que, recebeu com surpresa a notícia. "Sobre irregularidades em prestação de contas não estava sabendo de nada. O único problema informado, pelo cartório eleitoral, foi um erro na ata que oficializou a nossa coligação para a prefeitura. No entanto já corremos atrás com todos os documentos para sanar esse problema", afirma o ex-prefeito de Ubatuba e atual candidato pelo PTB, Paulo Ramos.
Já o candidato a vice, na chapa de reeleição do prefeito Eduardo Cesar, Moralino Valim Coelho (PMDB), figura na lista de pendências, divulgada pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. O processo do TCE, 566/026/98, aponta irregularidades nas contas da Câmara Municipal de Ubatuba, em 1997, quando a Casa era presidida por Moralino Coelho. A assessoria jurídica da aliança entre Eduardo Cesar e Moralino Valim Coelho, não irá se manifestar sobre o assunto, pois ainda não foi notificada pela Justiça Eleitoral. (Fonte: Imprensa Livre)

Eleições 2008: Associação Comercial reforça isenção política e quer propostas concretas dos candidatos

A Associação Comercial de Ubatuba reforçou a posição de isenção política neste momento e ressaltou que irá cobrar dos candidatos nas próximas eleições propostas concretas para os problemas enfrentados pelo empresariado da cidade. A presidência da entidade prometeu ainda realizar uma série de sabatinas com os candidatos ao executivo municipal. Acompanhe a carta do Presidente da Associação Comercial, Ahmad Khalil Barakat, sobre a próxima disputa pela prefeitura ubatubense.
"Desde o início de nosso mandato em 2005 procuramos manter a ACIU longe de uma política partidária, pois entendemos que a nossa instituição deve zelar pelo nosso comércio independente de um partido político. Definido este quadro, iremos em conjunto com outras entidades parceiras, convidar os candidatos a prefeito para uma sabatina, pois acreditamos que será de extrema importância para os empresários e munícipes em geral conhecerem os candidatos e seus planos de governo. Serão abordados temas fundamentais para o comércio como a organização do trânsito, estacionamento rotativo, segurança, turismo, entre outros.
Necessitamos fazer esta política não partidária para que não seja permitido que as promessas não saiam do papel. Somos investidores, geradores de emprego e renda, temos compromisso com o desenvolvimento da cidade. Vamos ouvir atentamente as propostas dos candidatos, tanto para prefeito como para vereador. Necessitamos de propostas concretas, que possuam conteúdo e que, de que forma esses candidatos pretendem cumprir suas propostas. A nossa classe precisa atuar decisivamente a favor de projetos que possam contribuir para o fomento de nossa cidade, devemos participar ativamente em busca de uma gestão pública com planejamento, profissionalismo e participação da sociedade. Só assim poderemos colher resultados efetivos. É dessa forma que entendemos que uma Associação deve participar da política de seu município".  (Fonte: Imprensa Livre)

Cinema: SEMANA DE 18/07 a 24/07/2008
Cine Porto (12) 3833-2066

"Hancock"
Aventura!!!!! com Will Smith
ás 15:30 - 17:30 - 19:30 - 21:30hs


cineporto@hotmail.com

Poesia Topo

No período IV Würm-Wisconsin

A Ilha Vitória
a quatro horas de remo,
tão distante de nós,
há pouco tempo atrás,
no relógio de Deus,
era um monte que dominava
a planície da bacia ubatubana,
habitat de gliptodontes,
mastodontes,
megatérios
e outros antediluvianos
mistérios.

Lição de fotografia na praia

Sebastião Salgado
quando andou por aqui,
procurou em sete praias
até encontrar
um pescador e sua canoa,
elementos necessários
para uma foto sair boa.

Foto antiga

A praia é da Fortaleza,
o mar está mais limpo,
os pescadores mais humildes,
meu avô e outros pescadores
puxam da praia
os cabos de uma rede
que já não existe
e tamanha quantidade de peixes
na alvorada da luz,
parecendo a rede de São Pedro
abençoada por Jesus.

Milagres no mar

Homens do mar
não esquecem de rezar
ao sair para pescar,
não são abusados
e não morrem afogados.
E mesmo quando estão
pela cãimbra entrevados
(Seu Higino da Barra Seca);
pelas ondas vergastados
(Mano Grande da Praia Brava);
pelos recifes ameaçados
(Tia Aninha da Fortaleza),
sempre haverá
o Bom Deus e Nossa Senhora
para os escutar
e os botos para os salvar.

Félix Cabral
Ubatuba, SP

Carta do Leitor
As mensagens, fotos e opiniões  publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As mensagens deverão conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.
Topo

O Estado Policialesco

Muitos aplaudem a lei seca no trânsito. A maioria das pessoas, segundo a grande imprensa. De repente, descobrimos que todos ou quase todos os acidentes automobilísticos são causados por bêbados ao volante.
Percentuais significativos, levantados no passado recente, informam que muitos trágicos acidentes foram ocasionados por motoristas embriagados. As autoridades sabiam. Convém recordar que, apesar da existência de leis que condicionavam a condução de veículos por motoristas que haviam ingerido determinadas quantidades de bebidas alcoólicas, a fiscalização era inexistente. Ou seja, as leis inibidoras, que evitariam tantas mortes, estavam à disposição das autoridades que, descaradamente, não as aplicavam.
De repente, por meio de uma lei que escandalosamente interfere na vida das pessoas, surgem blitz, fiscalizações espartanas, bafômetros, abusos de autoridade, e a indústria das multas, elevadíssimas por sinal, cresce de forma descomunal. Eis uma nova e eficaz maneira de encher os cofres de governos picaretas e corruptos.
Os cordeiros e inocentes úteis são os mesmos que aplaudiram o banimento de bebidas alcoólicas na estrada. Sem contar que apóiam, incondicionalmente, a quebra de sigilo na internet, na crença de que tudo é pornografia, quando não pedofilia.
Estas e tantas outras medidas de controle, quase que, cotidianamente, são aprovadas e jogadas ao grande público, como um fato consumado. É mais fácil caçar do que porco selvagem. Os inocentes (?) porcos selvagens permitem e aplaudem a criação de um estado policial.
No DF, tramita a aprovação de uma nova barbaridade, a obrigatoriedade do ensino religioso nas escolas. E não adianta espernear, se os representantes do povo aprovarem, a questão está decidida.
É o politicamente correto. É a falta de coragem para refutar, pois todos ou a maioria a sua volta concorda, ou covardemente aceita. Tudo, conforme o companheiro Gramsci preconizou.
Foi bem assim no caso da posse de armas. Se o governo perdeu o Referendo, recuperou - se através de inúmeras leis e restrições que foram aprovadas em surdina.
Alertamos a algum tempo que o molusco é apenas a ponta visível de uma enorme besta. O tempo tem posto a nu o voraz monstrengo, que pessoas, mesmo esclarecidas parecem não se dar conta.
A criação da Força de Segurança Nacional aos poucos delineia - se como um poderoso braço armado, pronto a servir ao governo, e não ao País.
As ações espalhafatosas da Policia Federal, com seus cognomes pomposos, servem para iludir aos incautos e aos iletrados. Não ocorrem contra conhecidas figuras do governo. Recordemos o milhão de Roseana Sarney, as falcatruas do Barbalho, a quebra do sigilo bancário do caseiro do Palloci, da prisão em Roraima do prefeito Quartiero e de seu filho, a rápida prisão dos atletas cubanos e sua pronta entrega ao governo de Fidel, e podemos prosseguir citando ad aeternum.
Na verdade, vivemos às claras, a existência de uma extensa e permissiva rede de escutas telefônicas, e de quebra, de sigilo bancário, com total desconhecimento dos alvos.
É licito afirmar que ninguém, mas absolutamente ninguém, que possa configurar uma ameaça, por menor que seja, ao status de domínio que se debruça, ardilosamente, sobre a Nação, está a salvo.
O domínio sobre a mídia amestrada é um fato. Configura - se que, aquilo que não pode ser convencido pela coação, pode sê - lo pela corrupção, pela bajulação, pela negociata, pela troca.
As constatações não são da minha lavra, modesta por sinal, porém elas estão às nossas vistas, saltam aos olhos dos mais céticos, são claras e irrefutáveis.
Por outro lado, nenhuma medida, por leve que seja, atinge aos nossos parlamentares. Qualquer crápula, com extensa folha corrida, pode postular - se como candidato a representante do povo. A fidelidade partidária tem sua validade subordinada ao sabor dos ventos e interesses.
Pelo contrário, benesses, escudos jurídicos, pensões, auxílios de todos os tipos, como a verba funeral, são aprovados à larga, como uma coisa natural. Foros e mais foros privilegiados acobertam canalhas e corruptos. Em ultimo caso, nada que um licenciamento oportuno, não livre um canalha de uma cassação, permitindo que o indigitado, após "gloriosa" volta por cima, retorne, consagrado pelas urnas.
Infelizmente, a forte onda de pudor e a incontida vontade governamental em atuar com draconiana severidade são orientadas para a inibição dos direitos dos incautos, dos pobres mortais, no frigir dos ovos, sobre a classe média.
Temos receio de prognosticar para onde, e até aonde iremos. Morremos dia a dia, vitimas de uma lassidão que dá medo.
Pobre Brasil varonil! Quando acordarás dessa letargia complacente e conivente?
Já invadiram o teu jardim, o meu canteiro, a nossa casa, e em breve seremos aprisionados, senão no cárcere dos descrentes, seremos reféns de nossa covardia e da nossa falta de propósitos.

Ternuma Regional Brasília
Gen. Bda RI Valmir Fonseca AZEVEDO Pereira
Brasília, DF

Inchaço versus Desenvolvimento

Os espaços urbanos tem limites à ocupação humana com vistas ao bem-estar de suas populações. A infringência desses limites é a principal causa das condições subhumanas em que vivem as populações de certas cidades e dos males daí derivados, indistintamente, em qualquer parte do mundo.
É de todos sabido que um rebanho, criado livre no campo, necessita de uma certa área mínima, por cabeça, para que a natureza possa prover o alimento natural dos pastos. Esse espaço mínimo é fundamental ao seu bom desenvolvimento físico e equilíbrio emocional. Situação similar se dá com os seres humanos, sendo necessário atentar que diferentemente dos animais irracionais, a consciência racional dos seres humanos suscita-lhes necessidades espaciais muito além daquelas que minimamente possam satisfazer os animais.
O processo de maciça migração humana das áreas rurais para as urbanas, ocorrida no Brasil após a II Guerra Mundial, em decorrência do maior progresso havido no desenvolvimento industrial e menor e mais lento no setor agrícola, as condições de melhor atendimento social nas cidades, a legislação trabalhista que inicialmente privilegiou o trabalhador da indústria, além de outros fatores, causou o triste desenvolvimento das favelas e dos bairros periféricos desprovidos de infra-estrutura. Em 2005, estimou-se que cerca de 34% da população brasileira vivia em favelas, ou seja, cerca de 52,4 milhões de pessoas. Esses inchaços ocupacionais humanos, desrespeitando os espaços mínimos de bem-estar físico, social e emocional que o ser humano necessita, acarretaram a terrível situação social que enfrentam o Rio e as demais grandes cidades brasileiras e que já se faz sentir nas de menor população. Mesmo as cidades cujos territórios podem se expandir em grandes dimensões, teoricamente capazes de abrigar populações crescentes, esbarram na incapacidade econômica temporal de prover a mínima infra-estrutura física e social, pari passu com esse crescimento.
A questão torna-se, porém, absolutamente crítica quando os espaços de ocupação humana são limitados por condições geográficas e ambientais. Ubatuba, a exemplo de outras cidades em situação idêntica, espremida de um lado entre áreas de preservação de matas e florestas, compondo um maciço montanhoso de 700 m de altura e de outro, das águas de mares e rios, cuja preservação é fundamental à sua sustentabilidade econômica, tem no equilíbrio "contingente populacional/meio ambiente" a chave de seu desenvolvimento. Diversamente das cidades que podem estender seu território acompanhando o crescimento populacional, a nossa, contrariamente, tem na contenção desse crescimento, dentro de limites preservacionistas ambientais inelásticos, a chave de seu desenvolvimento equilibrado, harmônico, ou seja, o bem estar de sua população e dos que para aqui afluem em busca de lazer, prazer e diversão, diga-se, sua atividade turística.
Esta é uma realidade que precisa ser percebida e apreendida por todos que aqui vivem. No passado era comum associarmos o desenvolvimento de uma região ao seu crescimento populacional. Recordo, em minha juventude, na rixa entre cariocas e paulistas, que comparávamos as duas cidades nesses termos. Triste sina, pois, ambas eram, então, mais bem desenvolvidas do que o são atualmente. Bastaria notar as atuais dificuldades de locomoção, o grau de poluição ambiental, a generalizada insegurança pública, a deficiente infra-estrutura, além de outros males causados pelo inchaço populacional e conseqüente deterioração da qualidade de vida.
Nem sempre atentamos para a conceitual distinção entre inchaço populacional e crescimento harmônico sustentável (aqui, sim, cabe bem esta expressão, já tão corriqueira que nem sempre alcança sentido). Assim como o inchaço no corpo humano é sinal de doença, um mal a ser debelado e nunca um desenvolvimento a ser alimentado, e que se não curado derivará outros males que poderão levar à morte, nas cidades não é diferente o fenômeno dos inchaços populacionais. São sinal de grave disfuncionalidade social, acarretadora de outros males, desde a estagnação ao esgarçamento completo do tecido social.
Algumas cidades começam a perceber que a ocupação humana deve obedecer seus limites espaciais. Na China não se deixou esta constatação ao sabor individual, mas, é lei a contenção populacional, como único meio de sustentar e melhorar a condição de vida de suas populações. É importante notar que dá-se na família o mesmo fenômeno que nas cidades, vistas como agrupamentos de indivíduos. A riqueza e bem-estar daquela é em grande parte função do número de familiares sob um mesmo teto, como nestas seu contingente populacional. Não é só a renda que define o nível de riqueza, mas, em especial, sua diluição pelo universo de indivíduos a serem sustentados. Nossas populações menos ilustradas ainda vêem na quantidade de filhos sua segurança futura. A premissa que parece não entenderem, é que a menos que esses filhos sejam colocados no mercado de trabalho muito cedo, em prejuízo de sua formação educacional e profissional, serão ao invés, um encargo pesadíssimo, além do que, dada a qualificação hoje exigida pelo mercado, os menos qualificados irão disputar trabalho menos rendoso.
Em cidades onde o turismo é a principal atividade econômica, os inchaços populacionais acarretam males que diretamente conflitam e destroem essa vocação. São cidades que tem de apresentar um ambiente social equilibrado que reflita segurança e o bem-estar de seus cidadãos; tem de apresentar beleza e refinada infra-estrutura que propicie prazer de lá estar. Tais cidades tem de investir, maciçamente, nessa estrutura, ao invés de ter de comprometer parte substancial de suas receitas em atendimento ao seu crescimento populacional, como em creches, postos de saúde, ensino fundamental e outros equipamentos sociais que, em si, pouco tem a ver, diretamente, com o desenvolvimento de sua vocação. É uma antinomia uma cidade turística apresentar esta distorção nas prioridades de seus investimentos.
Campos do Jordão, ao que sabemos, entre as cidades turísticas de nossa região, tomou a dianteira em se propor determinar um limite ao seu crescimento populacional exógeno, o crescimento derivado das migrações.
Tudo isto fundamentaria, sem sombra de dúvida, nas cidades turísticas de nossa região, os processos de congelamento, para posterior regularização fundiária, das áreas ocupadas irregularmente. È uma ação de coragem que necessita da compreensão de todos e que não deve servir a discursos demagógicos.
Seria oportuno lembrar que em grande parte os inchaços populacionais aqui ocorridos, não o foram por razões naturais de um prévio desenvolvimento econômico, mas, por irresponsáveis surtos de instigação à ocupação irregular, eleitoralmente intencionada, no intuito personalista de angariar votos, de criar currais eleitorais, num imediatismo indesculpável a qualquer que pretenda alardear um mínimo de amor a esta terra, ou interesse em seu desenvolvimento. Foi, assim, que ocorreram as ocupações das encostas, das margens dos rios, das áreas de preservação da Mata Atlântica, das fontes de água potável, etc. e que agora tem de ser contidas e corrigidas pela necessidade de darmos qualidade de vida a esses próprios migrantes, ao mesmo tempo que temos de preservar nosso maior patrimônio, razão de nossa vocação.
Esta é uma ação que tem de atender, também, às exigências bem-vindas, apesar de tardias, das novas legislações ambientais e preservacionistas que exigem prazos e estabelecem condições objetivas de correção destas anomalias e atentados ao meio ambiente. Cumpri-las, exige ação corajosa que não deveria prestar-se à demagogia, na tentativa de confundir as populações atingidas por essas retificações e correções. Não se pretende prejudicar essas populações aqui já fixadas, sujeitas agora ao processo de regularização fundiária, mas, sim, reorganizar essa ocupação para melhoria de seu próprio bem-estar. Ainda aqui, manifesta-se a boa índole do brasileiro e sua leniência. O que em outros países seria corrigido na medida da imputação da infringência legal, aqui é tratado com a sensibilidade e a responsabilidade que a sociedade reconhece ter, da dívida social com essas populações mais carentes e aproveita a situação para prover-lhes, efetivamente, uma redistribuição de renda e de benefícios sociais.
É importante, pois, que neste momento de efervescência eleitoreira, não se dissemine a distorção dos fatos entre essas populações, antes, seria bom observar que desta vez não estão ocorrendo invasões de áreas para cultivo de votos, como várias vezes ocorreu em passado recente. Não estamos esquecidos dos nomes de políticos que foram associados à determinadas invasões. Seria salutar que com a consciência mais firmada da necessária e oportuna regularização fundiária e da melhoria da qualidade de vida que isto trará aos beneficiados que os "ex-bem-feitores" reflitam sobre as profundas feridas sociais e ambientais que causaram, em absoluto desamor à terra.

Ernesto F. Cardoso Jr.
Ubatuba, SP

Enquanto isso, no Brasil...

Foto do Dia Topo

Para participar desta seção basta enviar as fotos com crédito do autor e legenda, no tamanho mínimo
de 1024 x 768 pixels com resolução de 72dpi para fotododia@litoralvirtual.com.br.  O envio da foto caracteriza autorizada a sua publicação, assumindo o autor total responsabilidade pela publicação da mesma.

Ilha Anchieta  © Luciano Cancelier

Ilha Anchieta
© Luciano Cancelier

Envie sua foto!

Para instalar a foto como papel de parede (wallpaper)
Clique na foto acima. Após carregar a foto ampliada, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e escolha "Definir como papel de parede" ou "Definir como fundo de tela". Para ajustar a imagem em tela cheia, clique em qualquer lugar da área de trabalho com o botão direito do mouse, escolha "Propriedades" / "Fundo de Tela" ou "Papel de Parede" / "Ampliar".

Arquivos:  Foto Saudade  -  Foto do Dia

 Faça seu comentário, crítica, opinião ou sugestão no Litoral Virtual:
Clique Aqui


As notícias, fotos e cartas publicadas neste boletim são de inteira responsabilidade de suas fontes e autores,
não expressando necessariamente a opinião deste informativo. O envio de qualquer material para nosso e-mail
será considerado como autorizado a sua publicação e assumida a total responsabilidade pelo seu conteúdo.
As cartas devem conter nome completo, RG, endereço, telefone de contato e um e-mail válido.
Reservamos o direito de não publicar cartas que não contenham a devida  identificação do autor.

Editor: Emilio Campi

GRÁTIS!!
Receba as Últimas Notícias do Litoral em seu e-mail:

Quero receber GRATUITAMENTE o boletim Últimas Notícias do Litoral:

e-mail:
Cidade:



Obs.: Você poderá cancelar o recebimento das notícias a qualquer momento.

 

Conheça as cidades do Litoral Norte Paulista:

Caraguatatuba Ilhabela São Sebastião Ubatuba

Litoral Virtual
O mais completo site do Litoral Norte Paulista na Internet
Sugestões, críticas e informações, entre em contato:
info@litoralvirtual.com.br

©1995/2001 Emilio Campi - Studio Maranduba - Direitos Reservados
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor